“Rei do Maracanã”, Hernane faz 3 e Flamengo elimina Botafogo

A ótima fase de Hernane chegou à Copa do Brasil. O “Brocador” do Flamengo é o artilheiro e “rei” do novo Maracanã – com 12 gols em 10 jogos – e mais uma vez brilhou no estádio: fez três gols nesta quarta-feira  e, junto com Paulinho, detonou o Botafogo com uma goleada por 4 a 0.

 

Dessa forma, o time rubro-negro avançou para a semifinal da competição nacional e vai enfrentar Vasco ou Goiás – o primeiro jogo acabou 2 a 1 para o time alviverde, mas a decisão acontecerá no Rio de Janeiro, nesta quinta-feira.

 

O jogo já começou com o Flamengo melhor, contando principalmente com a boa atuação de Paulinho pela ponta esquerda. Aos 6min e aos 18min, ele criou chances de gol, mas Jefferson defendeu sua finalização e também o chute de Carlos Eduardo. Porém, aos 19min, o placar foi aberto: após cobrança de falta, a bola ficou “viva” na área e Hernane chutou para o gol.

 

O Botafogo tentou acalmar o jogo com um toque de bola lento, mas não adiantou. O Flamengo aplicou uma verdadeira “blitz”, perdeu três chances de gol, mas conseguiu marcar novamente aos 32min, em um jogada que continuou a acontecer: Paulinho passou fácil por Gilberto e chutou para o gol. Jefferson até defendeu, mas Hernanes pegou o rebote e balançou a rede novamente.

 

 

Hernane mostrou oportunismo nos gols do Flamengo Foto: Mauro Pimentel / Terra
Hernane mostrou oportunismo nos gols do Flamengo
Foto: Mauro Pimentel / Terra

 

A substituição de Oswaldo para corrigir a marcação foi a entrada de Sassá no lugar de Marcelo Mattos. O Botafogo até jogou bem por dez minutos, mas sofreu outro gol em jogada criada pela esquerda: Paulinho lançou André Santos, que teve espaço para cruzar na cabeça de Hernane. O artilheiro definiu para o gol sem dificuldades.

 

Com poucas chances, o Botafogo ainda tentou se lançar com tudo para o ataque, mas em um contra-golpe saiu o quarto gol do Flamengo: Hernane foi lançado de frente para o gol, demorou para chutar e foi empurrado por Dória quando entrou na área. O juiz marcou pênalti e expulsou o zagueiro do Botafogo. Aniversariante do dia, Léo Moura cobrou com perfeição, no ângulo e concretizou a goleada.

 

Depois disso, o jogo se encaminhou para o fim com lances que certamente envergonharam a torcida do Botafogo: Paulinho fez firulas diante de Gilberto, a torcida gritou “olé” e houve até uma jogada em que jogadores alvinegros desistiram da bola.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password