Quem maltratar animal em Votuporanga poderá ser obrigado arcar com o tratamento veterinário

Quem maltratar animais em Votuporanga poderá ser obrigado a arcar com o tratamento veterinário do pet agredido, caso o Projeto de Lei Complementar nº 08/2021, do vereador Chandelly Protetor (PODEMOS) seja aprovado. A proposta amplia a punição aos agressores de animais silvestres, domésticos, domesticados, nativos e exóticos.

 

“Se aprovada, essa nova lei vai endurecer ainda mais as sanções impostas a quem cometer maus-tratos contra animais em Votuporanga. Além de todas as punições já previstas pela legislação vigente no país e no município, os agressores terão que custear todo o tratamento veterinário”, destacou o parlamentar.

 

O projeto do vereador Chandelly Protetor relaciona como maus-tratos ações de ferir, mutilar, praticar ato de abuso, animais doentes, magros, animais acorrentados ou qualquer experiência dolorosa com animal vivo.

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password