Promotor é preso por omissão de documentação

O servidor público foi preso e condenado à pena de 4 anos e 2 meses de prisão no regime semiaberto e perda de função.

Na última sexta-feira (12), a Polícia Civil de Andradina/SP prendeu o promotor de Justiça Paulo César Laranjeira, condenado à pena de 4 anos e 2 meses de prisão no regime semiaberto e perda de função pelo crime de omissão de documentos.

De acordo com a Polícia Civil, ele foi encaminhado à cadela de Ilha Solteira/SP, onde aguarda uma vaga para uma penitenciária da região. Ainda de acordo com a polícia, o promotor teria deixado de registrar oficialmente o recebimento de documentos encaminhados pela população.

Paulo César Laranjeira já estava afastado do cargo, mas com a decisão, que não cabe mais recurso, o Ministério Público deve ingressar com ação pedindo a perda da função pública.

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mimPerdeu sua senha?

    Lost Password