Presidente da Câmara de Votuporanga faz balanço dos 15 meses de mandato

Em entrevista exclusiva a O Jornal, Eliezer Casali falou do trabalho da harmonia  com o Executivo, de projetos e realizações frente ao Executivo

O presidente da Câmara de Votuporanga, Eliezer Casali, admitiu ontem, durante visita à redação de O Jornal, que “comprou uma briga política” ao defender a abertura de concessão para que uma terceira empresa funerária passe a operar na cidade. O vereador acredita que o serviço deva ser ampliado para que as duas prestadoras que atuam na cidade tenham mais um concorrente.

O presidente falou também sobre outras frentes de trabalho desempenhados e da harmonia entre os poderes Legislativo e Executivo. Eliezer destaca a “popularização” da Câmara e a aproximação da população, que tem acompanhado cada vez mais as sessões na casa ou pelo canal de televisão que faz a transmissão às terças-feiras.

Integração
Eliezer Casali disse que a marca do trabalho que ele desenvolveu à frente do Legislativo até agora é a aproximação da população com a Câmara. O presidente falou da importância dos cidadãos conhecerem o funcionamento do processo político e as atribuições dos vereadores e acompanhar de perto as discussões sobre projetos para a cidade. “Ainda existe um tabu muito grande na relação entre povo e poder. É necessário que a população saiba que o acesso à Câmara é livre e que todos podem acompanhar sessões, interagir com vereadores e saber como a cidade está se desenvolvendo”, afirmou.

Harmonia
O presidente destacou também o trabalho de manter o bom relacionamento da Câmara com a Prefeitura. Segundo Eliezer, Votuporanga tem um histórico de cooperação entre os poderes, o que para ele, é fundamental para o crescimento da cidade. “Aqui ‘a eleição acaba’ no dia seguinte. Não vemos um candidato derrotado tentando atrapalhar o trabalho de quem ganhou e é por isso que Votuporanga superou muitas cidades na questão do desenvolvimento. Tenho a responsabilidade de fazer com que a Câmara mantenha esse diferencial que existe aqui,” disse.

Para frisar a ausência de rixas políticas na cidade, Eliezer fez um trocadilho com a sigla do Partido Verde (PV) ao qual pertence. Segundo o vereador, na cidade, PV significa “Partido de Votuporanga”. “A Câmara tem papel fundamental no município e a verdade é que prefeito nenhum governa se não tiver o apoio do Legislativo. A afinidade que temos é extremamente positiva e essencial para o andamento da administração”, afirmou.

Funcionalismo
Eliezer comentou também a recente polêmica criada em relação aos reajustes salariais dos servidores municipais, aprovados na sessão da última segunda-feira, com valores abaixo dos reivindicados pela categoria.

O presidente disse que se reuniu com o prefeito Junior Marão, que prometeu “devolver” aos servidores o prêmio por assiduidade. Os R$ 90 que os funcionários recebiam em forma de benefício por frequência foi incorporado aos salários e a premiação deixou de existir. “O prefeito se comprometeu a voltar a pagar o prêmio assiduidade. Mas, por se tratar de um benefício, terá de ser feito um levantamento, porque estamos em ano eleitoral. Vai ser preciso ver quanto e quando os servidores terão de volta a premiação, mas já temos a garantia de que ela será paga”, afirmou.

Realizações
Eliezer citou durante a visita algumas conquista de Votuporanga que tiveram a participação efetiva dele. Um das principais foi a verba para construção das alças de acesso à rodovia Péricles Belini, autorizada há duas semanas. O presidente foi ao DER com o prefeito Junior Marão e com o deputado Carlão Pignatari (PSDB) e conseguiu o repasse.

O desassoreamento da represa municipal da Saev, que transbordou com uma chuva, no começo do mês, também foi conquistado na semana passada.  Casali contou também que está trabalhando para viabilizar a vinda da TV Aparecida para Votuporanga e um show com o padre Fábio de Melo. O projetos dos casamentos comunitários na cidade também foram lembrados pelo presidente. Getúlio Salvador/ O Jornal

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password