Prefeitura vai destinar R$ 1,8 mi para Santa Casa

Termo de fomento foi assinado nesta segunda-feira; lideranças ressaltaram a excelência dos atendimentos da Instituição e a necessidade de auxílio financeiro.

 

A semana começou com boas notícias para a Santa Casa de Votuporanga. A Instituição e a Prefeitura de Votuporanga assinaram nesta segunda-feira (26/3) termo de fomento para repasse de recursos para o Hospital na ordem de R$1,8 milhão. O dinheiro será dividido em 10 parcelas.

 
O provedor da Santa Casa, Luiz Fernando Góes Liévana, ressaltou a força dos votuporanguenses. “Votuporanga é uma cidade de união. A comunidade pensa no próximo, todos os voluntários trabalham a favor do outro. A Prefeitura nos auxilia bastante, uma vez que os recursos que recebemos não são suficientes para a manutenção dos nossos atendimentos. Esta verba é muito importante para custear nossos serviços”, afirmou.

 
Ele enfatizou que o termo de fomento consolida a parceria entre Instituição e Poder Executivo. “Este dinheiro beneficia diretamente nossos pacientes, principalmente do Sistema Único de Saúde (SUS)”, completou.

 
O prefeito João Dado destacou que o dia é histórico. “Efetivamos nossa parceria entre Poder Público e a Santa Casa. Nosso Hospital salva vidas há 67 anos e este documento permite ao município transferir do seu orçamento R$1,8 milhão ao ano”, afirmou.

 
A secretária municipal de Saúde, Márcia Reina, assinou o termo de fomento como testemunha. “A Santa Casa cumpre as ações da pasta, oferecendo serviços de qualidade sempre aberta à novas proposta e desafios, visando o futuro. Com muito prazer, que assino este documento”, disse.

Entrega de recursos
Na ocasião, cinco entidades assistenciais voltadas para atendimento de crianças, adolescentes e idosos receberam cheques do Banco do Brasil, por meio do Projeto “Voluntários Banco do Brasil (BB) – Fundo da Infância e Adolescência (FIA) e Fundo do Idoso”. Os Lares Viver Bem, do Velhinho, São Vicente de Paulo e Caminho de Damasco foram contemplados com R$40 mil. Já o Instituto do Deficiente Audiovisual de Votuporanga (IDAV) foi beneficiado com um montante de R$ 20 mil.

 
A iniciativa é realizada pelos funcionários do Banco do Brasil, que apadrinham projetos e entidades que devem receber não só os repasses, mas também ações de trabalho voluntário.

 

Na ocasião, o prefeito solicitou ao superintendente regional, André Pontes, para que inclua a Santa Casa no projeto. “Vamos reforçar o pleito para que o Hospital participe. Todos nós dependemos da Instituição”, afirmou Dado.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password