Prefeitura e Santa Casa desmentem vereador Hery sobre números do coronavírus em Votuporanga

Hospital e Prefeitura afirmam se tratar de notícia falsa. Hery Kattwinkell rebate e explica postagem; confira.

Nesta segunda-feira (23), em uma postagem em sua rede social, o vereador Hery Kattwinkell, dizia sobre ter pacientes internados na Santa Casa de Votuporanga/SP, informando que dos 53 suspeitos (possivelmente de coronavírus, já que em seu texto, o parlamentar não afirmou o tipo de moléstia que havia levado a suposta internação), contudo, ele afirmou existir paciente em uso de respirador. Por fim, enumerou os tais pacientes como uma criança, uma mulher de 52 anos e dois idosos com idades de 66 e 80 anos; Hery, finalizou: “Absurdo o Boletim de Saúde não nos informar isso!!!!” 

Já no início da noite, uma nota de repúdio à postagem foi emitida por parte da Santa Casa de Votuporanga e da Prefeitura Municipal de Votuporanga garantindo que a publicação do vereador trazia informações falsas e, que o Município ingressará junto ao Ministério Público para apurar eventuais crimes contra a Saúde Pública e à Autoridade Sanitária. 

Confira a nota na íntegra: 

“NOTA DE REPÚDIO 

A Prefeitura de Votuporanga e a Santa Casa repudiam a declaração do vereador Hery Kattwinkell que vai exatamente contra a lei e os preceitos da divulgação correta e oficial das informações referentes ao Coronavírus. O momento não é de instaurar pânico nem caos na população e, sim, propagar informações corretas de orientação e prevenção. Quanto à declaração do vereador, o Município ingressará junto ao Ministério Público para apurar eventuais crimes contra a Saúde Pública e à Autoridade Sanitária. 

É falsa a informação do Vereador, divulgada e apagada por ele no início da manhã desta segunda-feira (23/3), de que 4 pessoas estariam internadas no respirador, na Santa Casa, por suspeita de Coronavírus 

No momento da postagem do Vereador, haviam notificados para o Município apenas 2 casos de internação por suspeita de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Coronavírus), sendo que 1 já constava no Boletim Epidemiológico de domingo (22/3) – de uma criança com idade entre 1 e 4 anos, e o outro constará no Boletim Epidemiológico desta data, pois foi notificado às 21h23 do dia 22 de março de 2020. 

Todos os dias, a Secretaria da Saúde emite Boletim Epidemiológico com os dados reais colhidos em todas as Unidades e Hospitais da cidade. É importante ressaltar que essas são as informações oficiais e verídicas que estão disponíveis no site da Prefeitura de forma transparente à toda população. 

Qualquer informação que não for divulgada de maneira oficial pela Secretaria da Saúde não terá percorrido o protocolo de veracidade dos dados e, portanto, não deve receber crédito. 

A Prefeitura e a Santa Casa contam com a colaboração de todos os envolvidos, direta ou indiretamente, para centralizarmos as ações, juntos, no enfrentamento da doença. 

O Boletim Epidemiológico com os números desta segunda-feira (23/3) será divulgado ao final do dia, assim como tem sido feito todos os dias (inclusive aos finais de semana), após coleta dos dados fornecidos por todas as Unidades e Hospitais, bem como do Ministério da Saúde. 

O momento é de união e concentração de esforços para evitar a propagação e disseminação do Coronavírus e não de informações divulgadas por pessoas com interesses inconfessáveis e contrárias às ações de proteção à vida. 

Votuporanga, 23 de março de 2020, às 18h16. 

Luís Fernando Goes Liévana 

Provedor da Santa Casa de Votuporanga 

Márcia Cristina Fernandes Prado Reina 

Secretária Municipal da Saúde 

João Eduardo Dado Leite de Carvalho 

Prefeito de Votuporanga” 

Posicionamento do vereador Hery Kattwinkell 

Após a divulgação da nota de repúdio, o parlamentar foi procurado pela reportagem do Votunews e, defendeu sua postagem, explicando que: “a nota diz, no momento da postagem do vereador haviam notificados pelo município dois casos de internação por suspeita de coronavírus; então, já haviam dois de suspeita. Constando que um, já constava no boletim epidemiológico de domingo (22). Uma criança com idade entre 1 e 4 anos e, um outro que constará no boletim epidemiológico desta data, ou seja, quatro suspeitos. O que eu postei e deixei consignado na minha postagem, é que dos 53 suspeitos, quatro estavam internados, conforme consta na própria nota da Santa Casa. Agora falar que foi declaração falsa? Tomem as medidas, tanto o prefeito quanto à Santa Casa. Eu vou defender e provar que estava certo. Porque é que se negou por tanto tempo essa informação? Porque demorou para passar essa informação para a população? O que causa pânico não é uma notícia falsa, porque haviam sim internados, não eram quatro, mas eram dois, grande diferença. O que causa problema e pânico na população é ausência de informação e, isso tanto a Prefeitura, quanto a Santa Casa estão pecando muito.” 

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password