Prefeitura e PRF fazem operação para combater clandestinos

A Prefeitura e a Polícia Rodoviária Federal começaram nesta quinta-feira, 26, uma operação para combater a clandestinidade nos setores de mototáxis, táxis e vans de transporte nas ruas e rodovias de Rio Preto. O trabalho também vai acontecer em parceria com a Polícia Rodoviária Estadual.

O ponto de fiscalização de quinta foi na BR-153, próximo ao entroncamento com a avenida Nossa Senhora da Paz, segundo o inspetor Flávio Catarucci, da PRF. “Nosso trabalho é focado para evitar o transporte irregular, para assim evitar acidente na rodovia”, diz o inspetor.

Nas ruas e avenidas, a fiscalização foi realizada com apoio da Guarda Municipal e, na rodovia, com policiais rodoviários federais, ambos com apoio de funcionários da Secretaria

Segundo levantamento de um dos coordenadores da fiscalização, Marcelo Amaral, de 45 anos, a Prefeitura tem cadastrado 658 mototaxistas, 221 taxistas e 135 vans de transporte escolar. A estimativa da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Segurança é da existência de 10% de ilegalidade em Rio Preto, nestes três tipos de meios de transportes.

“Quem a gente está pegando irregular, está sendo autuado e o veículo é apreendido. Só vai ser liberado, após apresentar a documentação”, diz o coordenador.

O mototaxista Josiel Francisco, de 48 anos, com 15 de trabalho, diz que a fiscalização vai servir para acabar com a clandestinidade. “Não adianta a gente andar certinho se tem motoqueiro que não está nem aí”, diz.

A operação pente-fino deve continuar até o final de fevereiro, segundo a Prefeitura. Marco Antonio dos Santos/Diário da Região

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password