Prefeitura contrata profissional para atuar no IML

A partir desta sexta-feira (18), corpos não serão levados para Rio Preto e Fernandópolis, acabando com os transtornos causados às famílias que perdem entes

O prefeito Junior Marão autorizou, nesta quinta-feira (17), a contratação do profissional para atuar no IML (Instituto Médico Legal) de Votuporanga. O auxiliar de necropsia será contratado de forma temporária até que a Secretaria Estadual de Segurança Pública regularize a situação em definitivo.

Portanto, a partir desta sexta-feira (18) os corpos não serão mais levados para os institutos de São José do Rio Preto ou de Fernandópolis, o que agilizará a liberação dos mesmos e acabará com os transtornos causados às famílias que perdem entes queridos.

A iniciativa foi possível graças a um convênio que o prefeito Junior Marão assinou, na quarta-feira (16), com a Secretaria Estadual de Segurança Pública. “Era uma situação que nos incomodava muito e que há meses estávamos batalhando para conseguir. A Prefeitura vai arcar com os custos deste profissional temporariamente para minimizar os transtornos aos votuporanguenses”, disse.

O IML é um órgão ligado ao Governo do Estado e todo o quadro de funcionários é de responsabilidade da Secretaria de Segurança Pública. Há meses, o órgão local está sem um auxiliar de necropsia, aguardando a finalização de um concurso público estadual e, consequentemente, a contratação de um profissional em definitivo, o que deve ocorrer no segundo semestre.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password