Prefeito analisa acontecimentos políticos da semana

     

Em meio a outros temas, como a Festa das Nações, a polêmica com os professores, Marão fala também da Operação Lava Jato

A definição em torno da data e programação da Festa das Nações é o assunto que abre o programa Conversa com o Prefeito desta semana.

Junior Marão destaca a parceria do Fundo Social de Solidariedade, realizador do evento, com as Secretarias da Assistência Social e Cultura e Turismo, prevendo para o período de 14 a 16 de abril, uma “grande festa, não só com a gastronomia das colônias representadas, mas com espetáculos culturais no palco da Concha Acústica”.

Marão também adianta a possível realização de uma festa de peão neste ano, por intermédio de uma comunhão de esforços entre o Fisav e uma empresa de eventos da cidade que, além do rodeio, deverá oferecer uma grade de shows de grandes artistas. 


No programa, o prefeito comenta a forte incidência de chuvas neste final de verão, acrescentando que as condições climáticas têm ocasionado prejuízos à malha viária. “Foram duas semanas sem condições de realização de serviços de tapa-buracos, roçagem e outras atividades, assim como das próprias obras que estão sendo realizadas. Nós já assinamos a ordem de serviço para a empresa realizar mais R$ 2 milhões de recapeamento, porém o serviço não começa enquanto tivermos essas fortes chuvas”, explica. 


Como não poderia deixar de ser, o mais recente episódio envolvendo uma reunião entre representantes do magistério e vereadores, quando os professores teceram críticas quanto a um projeto de lei que está tramitando no Legislativo, também ocupa a pauta do programa. “Fiquei perplexo, pois me causou a estranheza a manifestação dos representantes dos professores, até porque o teor do projeto foi amplamente discutido e avaliado entre a Prefeitura e os profissionais da Educação. Eu sempre fiz isso, sempre estive aberto a qualquer tipo de reivindicação e especificamente neste caso, nós discutimos por diversas vezes, melhorando o texto, acolhendo as propostas sugeridas pelos professores”, explica. 


“Nós vamos conversar com todos nesta semana, para enriquecer ainda mais o diálogo, até porque quando falamos que o nosso foco é o aluno, de certa maneira estamos privilegiando os professores, afinal, o foco dos educadores também é o estudante”, assinala. 


 

Ao final do programa, Junior Marão analisa os fatos acontecidos no país na semana passada, dentre os quais o depoimento do ex-Presidente Lula. “A Polícia Federal, o Ministério Público Federal, a Justiça, enfim, estão mostrando um fato muito importante que ninguém está acima da lei; independente da condição financeira, com os grandes empresários, políticos importantes, tudo isso que está acontecendo é muito importante e nos dá a esperança de um novo Brasil”, analisa Junior Marão. 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password