Policial rodoviário embriagado que atropelou duas pessoas em prainha tem prisão preventiva decretada

Policial estava de folga no momento do acidente em Pereira Barreto/SP. Decisão da Justiça foi tomada nesta segunda-feira (18).

A Justiça converteu em preventiva a prisão em flagrante do policial rodoviário, de 30 anos, suspeito de atropelar duas pessoas, em Pereira Barreto/SP, e dirigir embriagado. A decisão foi tomada, na tarde desta segunda-feira (18), após o término da audiência de custódia.

O acidente aconteceu no fim da tarde do domingo (17), no estacionamento da prainha do município. Uma mulher, de 50 anos, está internada em estado grave na Santa Casa de Araçatuba/SP. O sobrinho da vítima sofreu ferimentos, mas já recebeu alta hospitalar.

De acordo com a polícia, o policial rodoviário estava de folga e passou o dia na prainha. Ao sair do local, ele se envolveu em uma confusão, entrou no carro, deu ré, atropelou as vítimas e fugiu.

Depois de sair da prainha, o policial compareceu à delegacia, onde prestou depoimento e afirmou que foi embora porque estava sendo ameaçado pelas testemunhas.

Ainda segundo a polícia, ele se recusou a fazer o teste do bafômetro e também o exame de sangue. No entanto, a embriaguez foi comprovada por um médico legista.

O polícia vai ser investigado por tentativa de homicídio e foi multado por dirigir embriagado. A Polícia Civil instaurou inquérito e segue investigando o caso.

À imprensa, a Santa Casa de Araçatuba afirmou que a mulher passou por avaliação e foi descartada a suspeita de traumatismo craniano. Contudo, ela sofreu vários traumas na região do rosto.

FONTE: Informações | TV TEM

0 Comentários

Deixe um Comentário

13 + 15 =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password