Policial civil é morto por PM em bar

O policial civil Eduardo Teixeira Moreno, de 27 anos, morreu depois de ser baleado por um policial militar em um bar de Rio Preto, na madrugada deste sábado (3). O caso aconteceu na avenida Murchid Homsi.   Segundo informações do registro policial, Moreno chegou em frente ao bar com uma motocicleta Honda Hornet e começou a acelerar o veículo.

 

Mesmo estacionando a moto, ele continuou acelerando, provocando aplausos irônicos de clientes do estabelecimento.   Ainda segundo testemunhas, o motociclista ficou nervoso, sacou a arma e disparou contra um bancário de 48 anos que estava no local. O tiro acertou o braço da vítima.

 

Presenciando a situação, um policial militar de 52 anos sacou a arma dele e pediu que o policial civil se acalmasse. De acordo com boletim de ocorrência, Moreno tentou atirar contra o PM, que revidou e acertou a vítima.   O policial civil ainda chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

 

O caso provocou pânico aos clientes do estabelecimento, que estavam no meio do fogo cruzado.   O local foi periciado e o PM envolvido foi levado para a delegacia e, após audiência de custódia, foi liberado para responder pelo crime em liberdade. A Justiça entendeu que o PM agiu em legítima defesa.   O caso está sendo investigado.

0 Comentários

Deixe um Comentário

3 × 4 =

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password