Polícia identifica menor suspeito de dirigir carro em batida que matou um

Acidente aconteceu na vicinal Chafic Saab, em Urupês. Um motorista morreu e o outro não estava no local da batida.

A polícia identificou o adolescente de 17 anos suspeito de dirigir o carro que provocou um acidente e a morte de um motorista neste domingo (23) em Urupês (SP). Ele ainda não foi ouvido e, oficialmente, não é considerado foragido, mas o rapaz e os pais dele têm que se apresentar à polícia.

O acidente foi na estrada vicinal Chafic Saab, que liga Urupês ao distrito de São João de Itaguaçu. O gerente de posto de combustível Sérgio Fernandes, de 51 anos, voltava de um almoço de família e ia para casa, em Urupês. Ele estava no carro com a mulher e a filha no carro.

Quando o carro deles fazia uma curva, bateu em outro veículo, que seguia para São João de Itaguaçu. Segundo o que a polícia apurou, era um adolescente de 17 anos quem dirigia o carro, que ainda tinha mais um jovem, de 19 anos, e um outro adolescente, que contou, em depoimento, que foi o amigo que perdeu o controle da direção e invadiu a pista contrária.

Sérgio Fernandes não resistiu aos ferimentos e morreu. A mulher dele foi socorrida em estado grave e continua internada. A filha também se machucou, mas já saiu do hospital. O primo da vítima Ademir Guelfi conta que estava com o primo no almoço e levou um susto quando viu o acidente e identificou o carro de Sérgio. “Estávamos almoçando, comemorando o aniversário do meu pai, ele é uma pessoa que não bebe, quando estávamos na estrada e vimos que a vítima era meu primo, ficou uma tristeza muito grande”, afirma.

Nenhum dos ocupantes do outro carro foi encontrado no local. A primeira suspeita da polícia era que eles tinham fugido sem prestar socorro. “Tivemos a informação que o motorista do outro carro se ausentou, a segunda informação é que ele teria ido para um hospital para ser socorrido, tudo isso está sendo apurado, se houve a fuga ou a prestação de socorro”, afirma o delegado Sérgio Augusto Durão.

O adolescente que contou ao delegado que era o amigo de 17 anos que dirigia, disse também que não foi a primeira vez que ele pegou o carro.  A polícia ainda não ouviu ninguém da família do menor. O corpo de Sérgio Fernandes foi enterrado na tarde desta segunda-feira (24), no cemitério de Urupês. “O adolescente fica sobre as leis do Estatuto da Criança e do Adolescente, que traz uma medida socioeducativa de seis meses a três anos. Já o pai não responde em tese pelo  G1

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password