Polícia Civil realiza mega operação contra crimes cibernéticos em 27 cidades de quatro estados

Uma mega operação desencadeada pela Polícia Civil de São José do Rio Preto (SP), contra crimes cibernéticos, cumpre 167 mandados de busca e apreensão na manhã desta quinta-feira, (30/11/2023), em 27 cidades de quatro estados.
De acordo com as equipes, 660 policiais civis, estão nas ruas para o enfrentamento de, pelo menos, 3 mil crimes cibernéticos, com o cumprimento de 167 mandados de busca e apreensão e 100 bloqueios de bens. A estimativa é de que a quadrilha tenha causado um prejuízo de R$ 30 milhões.
Além de Rio Preto, policiais de Fernandópolis, Catanduva, Jales, Novo Horizonte e Votuporanga também apoiam a ação. O objetivo é promover ações de inteligência policial, investigação criminal e recuperação de ativos a partir das investigações sobre crimes eletrônicos na região de Rio Preto, mas que se conectam com crimes de todos os Estados da federação.
Segundo a polícia, as 3 mil vítimas identificadas foram alvo de dezenas de organizações criminosas que, à distância, retiram o patrimônio, projeto de vida e, por consequência, a dignidade de pessoas que, submetidas a processo de engenharia social, acabam entregando toda a economia, levando famílias e empresas à falência.
Diversos Departamentos da Polícia Civil participam da Operação: DEINTER 5 (São José do Rio Preto); DEINTER 2 (Campinas); DEINTER 3 (Ribeirão Preto); DEINTER 4 (Bauru); DEINTER 6 (Santos); DEINTER 9 (Piracicaba), além de Departamentos Especializados de Polícia Judiciária de Mato Grosso; paraná e Tocantins.
As vítimas relacionadas aos cerca de 50 Inquéritos Policiais residem na Região de São José do Rio Preto e, como elas, centenas de outras vítimas estão espalhadas por todo o Brasil e, com a operação de hoje (30/11) e conexão das provas, essas evidências poderão ser compartilhadas.
Gazeta do Interior

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página