Polícia Civil identifica homem que aplicava golpes em fiéis

A Polícia Civil de Jales deteve na manhã de ontem(29), um homem de 39 anos identificado como (A.R), funcionário público e morador do Jardim Oiti em Jales, acusado de praticar estelionato em entidades assistenciais e paróquias religiosas da cidade.

 

O acusado, A.R, tentava aplicar golpes, dizendo ser coordenador de eventos da Paróquia Santo Antônio de Jales, quando pedia dinheiro para comerciantes da cidade, a fim de custear um almoço que seria realizado no dia 10 de abril. Em outras ocasiões ligava para comerciantes da cidade, dizendo-se promotor de eventos do Centro Pastoral da Catedral.

 
Por não ter sido preso em flagrante, ele foi ouvido e liberado, porém, responderá a inquérito policial por estelionato. Com a sua identificação, será possível o surgimento denúncias de novas vítimas do estelionatário.

 
O delegado Sebastião de Biasi (foto) concedeu entrevista ao Jornal do Povo e afirmou que por ser usuário de drogas, o homem precisava de dinheiro e decidiu então aplicar o golpe.

 
Apesar de apenas fornecer as iniciais, o delegado Biazi afirmou que o mesmo é concursado e funcionário público de um órgão importante da cidade, mais precisamente da área da Saúde.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password