Polícia esclarece assassinato do jornalista Helton Souza

Neste momento, um dos suspeitos presta depoimento na Delegacia de Valentim Gentil e, de lá, deverá ser transferido para a Cadeia Pública de Votuporanga
Repórter votunews Paola Munhoz está na Delpol e trará todas as informações em breve

O caso

O corpo de jornalista conhecido foi encontrado na entrada de Valentim Gentil nesta manhã. Segundo informações, Hélton Souza era jornalista muito conhecido na região.

Ele trabalhou durante vários anos em Votuporanga, sendo no jornal A Cidade e Diário de Votuporanga; no Diário da Região em Rio Preto e na Folha da Região em Araçatuba, e ultimamente estava trabalhando como assessor de imprensa na Santa Casa de Fernandópolis.

Segundo informações policiais, o corpo do jornalista foi encontrado com sinais requintes de crueldade na guarita do recinto da cidade. Ele foi morto por asfixia com sua própria camiseta. E o acusado também tampou a boca da vítima com a camiseta.

O corpo foi encontrado por pintores que estavam pelo local, e que imediatamente já acionaram a Polícia Militar da cidade.

O carro do jornalista também foi encontrado, estava  abandonado em uma estrada de terra que liga para a Usina de Valentim Gentil, um Onix branco.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password