Polícia apura fraude de advogado contra cliente em Fernandópolis

O 1º Distrito Policial de Fernandópolis começou a analisar um inquérito policial contra um advogado por suposta prática de estelionato.

Versam sobre as informações que o profissional, para receber os honorários ,teria induzido uma cliente a vender um veículo cuja finalidade era prosseguir a demanda judicial.

O veículo foi adquirido por um produtor de uma cidade próxima a Fernandópolis que entregou o dinheiro ao advogado. Ao todo, foram R$ 26 mil.
Para concretizar a venda, a mulher teria passado a documentação do veículo ao advogado.

Além de inquérito policial, uma representação foi instaurada ao Tribunal de Ética da Ordem dos Advogados e também uma demanda civil contra o profissional, pedido danos morais e materiais. EthosOnline

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password