Polícia Militar apreende ‘carreta da alegria’; motorista sem habilitação é flagrado durante fiscalização

Uma denúncia anônima levou a equipe de Rádio Patrulha da Polícia Militar de Votuporanga – comandada pelo sargento Fiori a apreender a ‘carreta da alegria’ que transporta crianças e adultos pelas ruas da cidade, com saída pela praça São Bento.

O fato aconteceu na noite deste sábado, por volta das 23 horas, após a Polícia Militar receber informação de que a carreta estava com superlotação de passageiros, o que poderia causar algum tipo de incidente.

Diante da denúncia, os policiais militares resolveram abordar o motorista da carreta e verificar a situação do documento do veículo e do condutor.

Para surpresa dos policiais que participaram da fiscalização de trânsito, o motorista da carreta não era habilitado e possuia apenas os documentos do veículo que estavam em ordem.

Diante disso, a Polícia certificou-se através de pesquisa via Prodesp e constatou que o condutor da carreta não tinha habilitação, sendo obrigado a estacionar o veículo na praça São Bento – ponto de embarque e desembarque da ‘carreta da alegria’.

A Polícia Militar acionou o proprietário da carreta – que segundo consta reside em uma cidade litorânea e percorre várias cidades do interior para este tipo de serviço.

Tanto o condutor da carreta não habilitado, quanto o proprietário do veículo foram conduzidos ao Plantão Permanente da Polícia Civil para a elaboração do boletim de ocorrência.

Segundo informações colhidas pela reportagem, o proprietário da carreta vai responder um Termo Circunstanciado por entregar a direção à pessoa não habilitada, fora as três autuações aplicadas – dirigir sem habilitação, entregar a direção à pessoa não habilitada e mau estado de consevação, pelo fato de existir pelo menos três pneus totalmente lisos.

A carreta tem, segundo consta, capacidade para transportar até 130 pessoas, mas no momento da fiscalização tinha mais pessoas.

Segundo a Polícia Militar, o proprietário da carreta apresentou apenas uma guia de recolhimento datada do mês de março e não o Alvará de Licença para exercer o serviço.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password