Polícia autua homem por maus tratos contra animal

A Polícia Ambiental de Votuporanga, autuou em R$ 1,5 mil um homem de 37 anos, morador do bairro Santa Felícia, Votuporanga, por ter cometido atos de maus tratos contra animal, um cachorro da raça fila, nesta sexta-feira.

A cachorra foi encontrada magra e amarrada numa corrente sem coleira de aproximadamente 1,5m de comprimento, fixada numa árvore, limitando o animal de se locomover.

 

Para proteger o animal da chuva havia apenas uma caixa d’ água vazia tombada, não sendo encontrada alimentação disponível no local, apenas um recipiente de pia vazio e sujo, que a Patrulha acredita que serviria para colocar alimentação para o animal.

 

Foi encontrado um balde grande com um pouco de água suja, pois era a única água que o animal tinha para beber, além de que o local estava em condições de higiene precárias, pois havia fezes do animal espalhadas por todo lado.

O homem foi apresentado juntamente como o animal no plantão policial de Votuporanga, foi determinado pelo Delegado de Polícia, Dr. Ali Hassan Wansa, a confecção do TC/PC nº 02/14 e o recolhimento do animal ao Centro de Zoonoses de Votuporanga.

“Cabe esclarecer que o crime de Maus tratos, abuso, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, tem como pena a detenção de três meses a um ano, além de multa, havendo aumento da pena se resultar em morte do animal, que é o caso em tela, conforme Artigo 32 da Lei Federal 9.605/98”, explicou  o sargento PM Josué Bertoldo Garcia

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password