Polícia acha corpos em caminhões de mudança em Nova York

Surto de coronavírus faz funerárias ficarem lotadas na maior cidade dos EUA, mas, neste caso, não se sabe a causa das mortes das 50 vítimas encontradas.

Dezenas de corpos em estado de decomposição foram encontrados em caminhões de mudança alugados no distrito do Brooklyn, em Nova York (EUA), após moradores reclamarem com a polícia de mau cheiro vindo dos veículos, que estavam estacionados do lado de fora de uma funerária.

De acordo com uma das denúncias, feita por telefone, havia “sangue saindo de um dos caminhões”.

Os policiais que foram à funerária para averiguar o caso encontraram os funcionários colocando corpos em outros caminhões, refrigerados.

Uma fonte ligada à investigação aberta pela polícia nesta quarta-feira disse à rede de televisão ABC News que dentro de dois caminhões que estavam fora da funerária havia cerca de 50 corpos. Esses veículos tinham sido alugados da empresa U-Haul e são usados para mudanças.

Tirar móveis para abrir espaço para cadáveres

Caminhões de refrigeração estão sendo usados por hospitais e funerárias durante a pandemia do novo coronavírus para manter os corpos em boas condições antes de serem enterrados por familiares.

Não foi divulgada a causa da morte das pessoas cujos corpos estavam nos caminhões de mudança.

Um porta-voz da funerária disse à ABC News que, devido ao número de mortes por Covid-19, a empresa ficou sem espaço, mas negou que houvesse corpos nos caminhões, e sim móveis que tiveram que tirar do estabelecimento.

Embora a polícia tenha dito que não foi cometido nenhum crime, abriu uma investigação sobre o número de corpos armazenados sem refrigeração.

FONTE: Informações | noticias.r7.com

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password