Preso rapaz que matou ex-namorada com 15 facadas

As Polícias Militar e Civil prenderam na manhã desta quarta-feira (11), J.G., de 27 anos de idade, suspeito do assassinato da universitária Maria Júlia Martins, de General Salgado e que cursava Zootecnia na UNESP de Ilha Solteira. O homem estava escondido em Pereira Barreto.

Os policiais encontraram o suspeito caminhando na vicinal que dá acesso à Praia Pôr-do-Sol, na Rodovia Padre Valentin Felipe Stefanoni. O homem não reagiu à abordagem e se entregou.

A área da Delegacia de Polícia de Ilha Solteira começou a ser interditada para receber o suspeito. Por isso, a PM pede que a população não se aproxime da DP. Haverá bloqueios no trânsito e reforço no policiamento.

Crime

O crime aconteceu no início da tarde da última segunda-feira (9). O suspeito parou o carro próximo à república onde a estudante de 17 anos morava, em Ilha Solteira, e a atingiu com 35 facadas, segundo exames feitos no corpo da vítima, informação confirmada pela PM. Ela não resistiu aos ferimentos e faleceu no local.

Após cometer o crime, duas horas depois, J.G. deixou o veículo utilizado para a fuga, na zona rural, nas proximidades da rodovia Feliciano Salles Cunha. Um primo do acusado confessou ter ajudado-o na fuga e chegou a ser preso, mas foi liberado após pagar fiança.

Enterro

Maria Júlia foi enterrada na tarde da última terça-feira (10), em General Salgado.

João Vasconcelos Neto / Equipe Pô Auriflama

Créditos da foto: Divulgação

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password