PM Ambiental apreende 23 armas e 196 cartuchos

Fiscalização na região combate transporte de madeiras, focos de queimadas e incêndios florestais, além de atos de caça

A Polícia Militar da região não tem dado trégua para os crimes ambientais e prossegue com a segunda etapa da Operação Tríade, que fiscaliza o transporte de madeiras, os focos de queimadas e incêndios florestais, além dos atos de caça e de pós caça. Em poucos dias, os policiais apreenderam 23 armas de fogo e quase 200 cartuchos de munição.

As informações da operação foram transmitidas pelo comandante interino do 4º Batalhão de Polícia Ambiental, o major PM Roger Marcos Pimentel. Segundo ele, a Operação tríade II teve início na última segunda-feira, dia 3, e vai até o sábado, 8 de agosto.

O policiamento ambiental tem intensificado a fiscalização de pátios e transporte rodoviário de madeiras, para inibição do desmatamento na região norte do país, bem como o incremento na verificação de eventos de queimadas e/ou incêndios florestais.

No período de estiagem os atos de caça são potencializados, pois os caçadores são favorecidos pelo “encaixotamento” dos mananciais em suas calhas. Portanto, a fiscalização dos atos pós caça também são objeto de atenção por parte do policiamento ambiental.

Até o momento, foram apreendidas 23 armas de fogo, sendo 15 no município de Palmeira D’Oeste, três em Catanduva e cinco em Ibirá, entre espingardas cartucheiras, carabinas, garruchas e revólveres de diversos calibres. Além das armas, 196 cartuchos de diversos calibres (12, 22, 28, 36, 38, 44, 45, 380 e 765) foram apreendidos.

Os policiais ambientais conduziram 10 pessoas à Delegacia de Polícia, sendo quatro foram presas em flagrante por posse/porte ilegal de arma de fogo, e uma permaneceu sob custódia da Justiça por posse de munição de uso restrito (calibre 45).

Foram apreendidos 10 quilos de carne de animal silvestre (capivara e jacaré), farto material para recarga de munição (espoletas, chumbo, pólvora etc..), carregador e socador de madeira, quatro fisgas de metal, três redes de nylon de emalhar, pios de caça, dois papagaios e uma gaiola. Mais dados da fiscalização devem ser disponibilizados pela PM nos próximos dias.

Jociano Garofolo

garofolo@acidadevotuporanga.com.,br

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password