Novo Logan se veste de gala para “churrascão” familiar

“É feio, mas funcional”, assim ficou conhecido o Renault Logan, lançado no Brasil em 2007. Mesmo com visual ultrapassado, o pequeno sedã emplacou 210 mil unidades em cinco anos, baseado em uma equação equilibrada entre preço, durabilidade e espaço. Com a próxima geração, a fabricante quer adicionar mais uma variável, a beleza, e manter o mesmo resultado, como se um parente chegasse no “churrascão” familiar de domingo trajando um terno bem ajustado e gravata.

 

De acordo com a fabricante, a transformação busca atender novas exigências da classe média brasileira, que está mais informada e exigente. Desenhada pelos alfaiates europeus da subsidiária Dacia, a costura da nova roupagem foi acompanhada de perto por Massimo Barbieri, chefe da Renault Design América Latina, para garantir que o modelos se ajustasse perfeitamente ao gosto local. “A dianteira é totalmente específica para o Brasil”, afirmou.

 

A renovação atingiu 72% dos componentes da versão anterior, entre os itens mantidos estão o motor 1.6 l, de 106 cv, e a transmissão. O novo propulsor 1.0 l é o mesmo que equipa o Clio e desenvolve 80 cv, com consumo médio de 8,1 km/l (etanol) na cidade. Por dentro, o sedã de entrada também passou por uma reformulação, com novo painel, quadro de instrumentos, revestimentos e volantes de três raios. Segundo a Renault, o espaço interno – um dos pontos fortes da versão antiga – foi mantido, incluindo o porta-malas de 510 litros.

 

 

A transformação no visual foi tão drástica que o slogan publicitário será “Acredite, é o Logan”. Mas a fabricante defende que o tripé responsável pelo sucesso da versão antiga não sofreu mudança e que o público alvo segue focado em famílias de classe média. Levando em consideração as diferenças, o preço não subiu tanto. A versão mais barata custará a partir de R$ 28.990 – cerca de R$ 1,5 mil a mais do que o cobrado atualmente, mas já com airbag duplo e freios ABS com distribuição eletrônica de força (EBD) de série.

 

Impressões
Testamos duas versões do novo Logan em trechos entre São Paulo e Campinas. A versão de entrada (Autenthique) não estava disponível, mas deve ser pouco representativa nas vendas – cerca de 5%, segundo a Renault. Assim, a primeira a ser testada foi a Expression (a partir de R$ 33.390) com motor 1.0 l, que já vem com direção hidráulica. Equipado com ar-condicionado opcional, o interior da versão segue a simplicidade do anterior. Embora tenha evoluído com novos materiais, cores e texturas, a renovação do acabamento não teve o mesmo salto que o visual exterior.

 

O veículo testado ainda tinha outro opcional, o pacote com sensor de estacionamento traseiro e sistema multimídia com tela touch screen de sete polegadas integrada  e GPS, que custa mais R$ 850 no preço final. De fácil manuseio, o sistema sofre apenas com a incidência de sol na tela, que ofusca o visor. De acordo com a Renault, o time de engenharia fez melhorias no isolamento acústico do motor, diminuindo o desconforto pelo barulho para os passageiros, Mesmo assim, na estrada com motor 1.0 l, não há milagres.

 

 

No quesito rendimento, o propulsor sofre para dar fôlego ao novo Logan, principalmente em retomadas e ultrapassagens. Vindo do novo Clio, o motor que desenvolve até 80 cavalos de potência tem que carregar quase 200 kg a mais – Clio tem 880 kg e o novo Logan, 1.070 kg. É preciso sempre deixar o giro do motor acima de 3 mil RPM para não perder potência.

 

O desempenho melhora com o antigo motor 1.6 l, de 8V, que impulsiona com 106 cavalos de potência. Para elevar um pouco o nível, a Renault lançou também a versão Dynamique, que não existia antes para o sedã de entrada. Essa versão adiciona bancos com espuma mais espessa que se adapta ao corpo, rodas 15 polegadas em liga leve, faróis de neblina, vidros elétricos traseiros, piloto automático e limitador de velocidade, por um preço razoável de R$ 42.100. Nessa versão, o cliente ainda pode instalar ar-condicionado automático – uma raridade entre os sedãs pequenos.

 

Com a nova roupagem, o modelo básico do Logan deverá se destacar entre os principais concorrentes com design mais atrasado, como Chevrolet Classic, Ford Fiesta Rocam e Fiat Siena EL. No entanto, o alvos principais devem ser mesmo Volkswagen Voyage, Chevrolet Prisma, Toyota Etios Sedã, Nissan Versa, Fiat Grand Siena e Hyundai HB20S. A Renault espera que a novidade dê um impulso de 20% na média mensal de vendas, que está em torno de 2 mil unidades. Preço competitivo e espaço de sobra ele ainda tem, resta saber se os clientes confiarão no visual “arrumadinho” do antigo “bom de briga”.

 

Ficha técnica
Renault Novo Logan Expression 1.0 16V Hi-Power – R$ 33.390
Potência: 
80 cv (etanol) / 77 cv (gasolina)
Velocidade máxima: 163 km/h (etanol) / 160 km/h (gasolina)
Consumo urbano: 8,1 km/l (etanol) / 11,9 km/l (gasolina)
Itens de série: airbag duplo, ABS, EBD (distribuição eletrônica da força de frenagem), brake light, rodas 15’’, direção hidráulica, rádio CD MP3 2 DIN + USB + Bluetooth, vidros elétricos dianteiros, travas elétricas das portas, alarme perimétrico, computador de bordo, banco traseiro rebatível 1/1, ar quente, desembaçador traseiro, retrovisor na cor carroceria, maçanetas externas na cor carroceria, coluna B com acabamento em preto. Principais opcionais: ar-condicionado, Media NAV 1.2 e sensor de estacionamento
Renault Novo Logan Dynamique 1.6 16V Hi-Power – R$ 42.100

Potência: 106 cv (etanol) / 98 cv (gasolina)
Velocidade máxima: 180 km/h (etanol) / 178 km/h (gasolina)
Itens de série: airbag duplo, ABS, EBD (distribuição eletrônica da força de frenagem), direção hidráulica, rádio CD MP3 2 DIN + USB + Bluetooth, vidros elétricos nas quatro portas, travas elétricas das portas, alarme perimétrico, computador de bordo, ar-quente, desembaçador traseiro, retrovisor na cor carroceria, maçanetas externas na cor carroceria, bancos com tecnologia CCT, rodas 15’’ em liga leve, faróis de neblina, piloto automático, limitador de velocidade, luzes indicadoras de direção nos retrovisores, comando elétrico dos retrovisores,  banco rebatível 1/3 e 2/3 e volante revestido em couro. Principais opcionais: ar-condicionado, Media NAV 1.2 e sensor de estacionamento.

 

Terra

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password