Nova faixa terá limite entre R$ 1,2 mil e R$ 2,4 mil

Fontes ligadas ao Ministro Gilberto Kassab confirmaram o que o pedessista havia antecipado em Votuporanga, quando esteve sendo recepcionado pelo Diretório Municipal do PSD. Na ocasião, Kassab garantiu que no lançamento da terceira etapa do programa Minha casa, Minha Vida (PMCMV), prevista para o segundo semestre deste ano, seria inserida mais uma faixa de renda.
A nova faixa, denominada ½ ou intermediária será operada com recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) com enquadramento limite de renda entre R$ 1,2 mil e R$ 2,4 mil.
O programa, desde o seu lançamento no ano de 2009, opera com três faixas de renda em área urbana, que são: até R$ 1.600 (faixa 1), até R$ 3.275 (faixa 2) e até R$ 5 mil (faixa 3). A criação desta nova faixa de renda tem como objetivo a inclusão de famílias que apresentam dificuldades para enquadrar sua renda nas atuais faixas. Na maioria das vezes, essas dificuldades resultavam em exclusão do acesso das famílias ao programa. Fernanda Ribeiro Ishikawa/Diário de Votuporanga

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password