Nova arena: instalação de arquibancadas em ritmo acelerado

Segundo chefe de gabinete da Prefeitura, Marcelo Zeitune, serviço deve ser concluído até final de julho, para início de próximas etapas

A nova casa do torcedor votuporanguense segue com obras em ritmo acelerado. Funcionários da empresa responsável devem terminar a instalação dos blocos das arquibancadas até o final do mês de julho. Com isso terão início outras importantes etapas como a construção de postos médicos, da polícia, sistemas de irrigação, drenagem e, por fim, o plantio do gramado.

Em entrevista ontem, o chefe de gabinete da Prefeitura, Marcelo Marin Zeitune, afirmou que o trabalho segue com bom desempenho. Ao final do próximo mês, a Arena Plínio Marin deve ter concluída a instalação de duas arquibancadas, em formato de “L”, que inicialmente deverá acomodar 7.500 pessoas.

Finalizada essa etapa, terá início a construção sob as arquibancadas de baterias sanitárias, posto policial e posto médico, que é uma exigência da FPF. Zeitune também informou que a obra do vestiário, que é de responsabilidade da Construtora Tapajós e ficou por um tempo paralisada, será retomada. Representantes da empresa estiveram na Prefeitura ontem pela manhã, acertando os detalhes.

A estrutura está pronta. Falta executar serviços de acabamento, como, por exemplo, implantar azulejos, pintura de parede, louça sanitária. “A obra deles é do vestiário e túnel de acesso ao campo”, disse Marin. Esses trabalhos devem ser retomados no início de julho.

Na sequência, a atenção será voltada para o campo. Terá início instalação do sistema de irrigação e drenagem para finalmente ocorrer o plantio da grama. Marcelo Marin também comentou sobre a grande expectativa que essa obra, tão emblemática, gera nos torcedores da Votuporanguense. “Para quem gosta de futebol é a obra mais importante da cidade”.

O chefe de gabinete tranquiliza a torcida e diz que o empenho da Prefeitura é total para que a obra seja entregue em tempo adequado para a disputa da Série A2. Mais que isso, espera não só ter um local para os jogos, mas que tenha conforto e fácil acesso.

“Nosso empenho é para que se realize dentro do prazo e com qualidade. É uma arena diferenciada. A gente não está acostumado a ver algo assim na Série B, A3 e A2. Vai surpreender o torcedor votuporanguense, não só por ser um novo estádio, mas por ser de fácil acesso. É perto da rodovia para os torcedores da região. Tudo isso é pensado para dar conforto e um palco para nosso artista principal, o CAV poder atuar”. Jociano Garofolo

garofolo@acidadevotuporanga.com.br

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password