NOTA DE FALECIMENTO:

João Roberto da Silva, o Radar, falece em Votuporanga.

Centroavante do Flamengo e outros vários clubes do Brasil e do exterior, Radar, o João Roberto da Silva, nasceu em Fernandópolis em 27 de janeiro de 1956. Começou nas categorias de base da Votuporanguense, de onde saiu para a Ponte Preta em 1973. Passou também por Portuguesa, Goiás Esporte Clube, Rio Verde de Goiás, Terraça, da Espanha, Penafiel, de Portugal, Rio Branco de Americana, Barretos, Votuporanguense novamente, Vocem, de Assis, CSA e Corumbaense, onde encerrou a carreira. Atualmente, Radar residia em Votuporanga, onde trabalhava cuidando das escolas de futebol mantidas pela secretaria de Esportes do município.
Com a camisa do Flamengo, Radar jogou 21 partidas (14 vitórias, 5 empates e 2 derrotas) e marcou 10 gols, segundo dados do Almanaque do Flamengo de Roberto Assaf e Clóvis Martins. Uma dessas partidas ocorreu no dia 23 de abril de 1978 contra o Bangu, no estádio de Moça Bonita, pelo Campeonato Brasileiro, quando marcou os quatro gols da vitória do time mais popular do Rio de Janeiro por 4 a 0.

Seu sepultamento ocorreu ontem, às 15 horas.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password