Município vai construir posto de saúde a moradores

Bairro contará também com transporte gratuito aos 174 estudantes que vão se mudar para lá e coletivo para todos os outros cidadãos

O Residencial Boa Vista deve ser inaugurado nos próximos dias, conforme previsão da Prefeitura e, com ele, a região oeste da cidade vai ganhar outros investimentos, um deles é a construção de uma unidade de saúde no bairro Jardim das Carobeiras, que é próximo do local.

Inicialmente, os moradores serão atendidos no Consultório Municipal “Dr. Oswaldo da Cruz Oliveira Junior” – Cecap II, até a entrega da nova unidade de saúde, no Jardim das Carobeiras. Um médico e uma equipe de agentes comunitários de saúde serão destacados para atender exclusivamente os moradores do Conjunto Habitacional Boa Vista.

O projeto para construção do novo Consultório Municipal do Jardim das Carobeiras foi concluído e em breve será encaminhado para o certame licitatório para o início das obras.

Localizado na região oeste da cidade, as 330 unidades do Residencial Boa Vista foram construídas por meio da parceria entre a Prefeitura de Votuporanga e o programa Minha Casa, Minha Vida do Governo Federal para famílias com renda mensal bruta familiar de até R$ 1.600,00. A obra já está concluída e aguarda liberação entre a Caixa Econômica Federal e a construtora para agendar a data de entrega das chaves.

Educação

O bairro terá 174 crianças, que serão atendidas pelo CEMEI’s “Profª Orozília do Carmo Ferreira”, que fica na avenida 9 de julho, 2125 – Cecap II, e no “Terezinha Guerra”, localizado na rua Paraguai, 4314, Jardim Santo Antônio. O CEM “Prof. Faustino Pedroso”, que fica na rua Vila Rica, 2943 – San Remo, também está preparado para receber os alunos matriculados entre o 1º e 5º ano e a Escola Estadual “Profª Uzenir Coelho Zeitune”, na rua Pará, 2897 – Vila Guerche, atenderá os alunos de 6º a 9º ano.

Para essas escolas, a Secretaria de Educação fornecerá o transporte escolar gratuitamente, mediante comprovação da matrícula e solicitação do serviço.

Transporte coletivo

De acordo com o secretário de Trânsito, Antonio Alberto Casali, o transporte será iniciado a partir da entrega das chaves das casas. Levando em consideração que os moradores terão 30 dias para se mudarem a partir da entrega das chaves, a Secretaria montará um cronograma com a empresa concessionária para que na primeira semana o transporte seja oferecido com três horários por dia, na segunda semana com cinco horários por dia, na terceira com sete e a partir da quarta semana com horários de 40 em 40 minutos ou a cada uma hora, dependendo da demanda. Leidiane Sabino/A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password