MUNDO: acidente de trem deixa mais de 280 mortos

Subiu para mais de 280 o número de mortos e o de feridos para mais de 800, devido a uma colisão de trens ocorrida nesta sexta-feira no leste da Índia, informou neste sábado (03/06) a agência de notícias indiana PTI, citando fontes oficiais.

O acidente aconteceu por volta das 19h20 (horário local), próximo à estação ferroviária de Bahanaga, no estado de Odisha, onde as equipes de resgate ainda trabalham para socorrer pessoas feridas.

O chefe dos bombeiros de Odisha, Sudhanshu Sarangi, disse que o número de mortos foi de 288.

De acordo com um comunicado do Ministério das Ferrovias indiano, um trem de passageiros que fazia o percurso entre as cidades de Shalimar, em Calcutá, e Chennai, no estado de Tamil Nadu, no sul do país, descarrilou. Em seguida, outro trem que viajava de Yeswanthpur, em Bangalore, para Howrah, em Calcutá, se chocou com ele.

Um terceiro trem, de carga, também se envolveu no acidente, disse o secretário-chefe de Odisha, Pradeep Kumar, à rede de televisão indiana NDTV.

Dia de luto

Já o governador de Odisha, Naveen Patnaik, anunciou um dia de luto neste sábado pela tragédia.

Imagens do acidente mostram cerca de 15 vagões tombados nos trilhos, com equipes de resgate tentando serrá-los para entrar e ajudar as pessoas que ainda estavam presas.

Alguns vagões ficaram completamente revirados, e as equipes de salvamento procuravam sobreviventes presos nos destroços dos veículos, enquanto dezenas de corpos jaziam junto aos trilhos, cobertos por lençóis brancos.

O Ministério das Ferrovias cancelou viagens na rota onde houve o acidente e redirecionou várias outras. O titular da pasta, Ashwini Vaishnaw, anunciou uma indenização de mais de US$ 12 mil (R$ 59.462) para os mortos, cerca de US$ 2,5 mil (R$ 12.388) para quem teve ferimentos graves e US$ 606 (R$ 3 mil) para os que se feriram levemente.

O primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, disse estar “angustiado” com o acidente. “Nesta hora de luto, meus pensamentos estão com as famílias que perderam entes queridos. Que os feridos fiquem bem logo”, disse Modi no Twitter. Deutsche Welle Brasil

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mimPerdeu sua senha?

Lost Password