Mulher espancada em praça pública de Macaubal quer R$ 40 mil em indenização

A Justiça de Fernandópolis analisa uma ação por danos morais proposta por uma servidora municipal de Macedônia contra um vendedor, um menor de idade,além de mais três mulheres. O pedido é de R$ 40 mil.

A servidora foi agredida por eles quando estava em uma praça com as amigas. O espancamento é decorrente por um desentendimento com uma irmã das acusadas.

O marido de uma chegou a atingir a servidora com um soco na boca. Populares conteram o agressor para impedir mais agressões. Além disso, os acusados deferiram socos e pontapés pelo corpo e cabeça da servidora.

A agressão somente cessou com a chegada dos policiais militares, que precisaram fazer uso de gás de pimenta para impedir a continuidade das agressões. Em virtude das agressões, precisou ser tratada em Fernandópolis e São José do Rio Preto.

Para o advogado de defesa, houve uma sessão de espancamento que atingiu a honra da vítima, merecendo ser indenizada.

O caso ocorreu em janeiro de 2016, na madrugada.
EthosOnline

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password