Mulher é vítima de racismo dentro de clube de alto padrão em Rio Preto

A Polícia Civil vai investigar um caso de injúria racional registrado no último sábado (30/9), dentro de um clube tradicional localizado na área central de São José do Rio Preto, no interior de SP. O local está na avenida Alberto Andaló, um dos cartões postais da cidade.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima de 53 anos é dona de uma lanchonete do centro de lazer. Um dos sócios teria pedido a ela três doses de vodka, sendo uma de morango. Ao entregar as bebidas, a empreendedora foi surpreendida pela atitude do cliente. Segundo a polícia, o homem se irritou e perguntou a ela se “era aquilo que ela apresenta”.

O suspeito, ainda segundo a polícia, teria derrubado as bebidas no chão em frente dos outros ocupantes da área de lazer. Em meio a um escândalo, o homem teria xingado a mulher com palavrões, como “negra suja, ordinária, desqualificada, incompetente”, além de outras palavras de baixo calão. Ele também teria questionado como uma negra poderia estar naquele lugar.

Aos policiais, a vítima informou que se sentiu constrangida, humilhada e extremamente abalada psicologicamente.

A reportagem tentou falar com o responsável pelo clube, mas não foi atendida.  SBT Interior

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password

Você não pode copiar o conteúdo desta página