Mulher é detida ao tentar entrar com droga no CDP de Riolândia

O aparelho de detectar metais foi acionado na região da cintura da acusada. Ela havia introduzido maconha e alguns bilhetes em seu órgão genital para serem entregues ao seu marido, que cumpre pena no local.

A.P.G.L. de 29 anos foi autuada em flagrante por portar drogas sem autorização, enquanto tentava entrar no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Riolândia, no último dia 17. Segundo o que consta no Boletim de Ocorrência, a moça estaria indo visitar o marido D.G.L. de 36 anos, que permanece preso no local, à disposição da Justiça.

Uma agente de segurança penitenciária contou que enquanto revistava A.P.G.L., o aparelho de detectar metais foi acionado na região da cintura da acusada. Indagada, a moça confessou de imediato que trazia maconha introduzida em seu órgão genital, assim como uns bilhetes também.

Os bilhetes referiam-se a outros presos do Estado de São Paulo relacionados ao tráfico de drogas. A droga foi retirada pela própria acusada e estava enrolada em fita adesiva, dentro de um preservativo.

Os bilhetes e o pacote com o entorpecente foram levados ao diretor do CDP que constatou a substância como sendo maconha.

A.P.G.L. possui um irmão preso no local mas estaria indo visitar apenas seu marido.

Diante da situação, o Delegado Dr. Thiago Silva Pereira, elaborou a autuação em flagrante da indiciada pelo artigo 33 – Tráfico de Drogas -, por ela trazer consigo a maconha no interior de seu órgão genital, que seria entregue ao seu marido.

 

 

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password