Mulher dribla marido e cai de janela ao tentar fugir de quarentena para visitar a mãe em SP

Marido não queria deixar a jovem de 23 anos sair de casa por conta do risco de contaminação pelo novo coronavírus e, por isso, ela tentou sair do imóvel pela janela.

Uma jovem de 23 anos despencou do 1º andar do prédio onde mora em Santos/SP, ao tentar sair do imóvel pela janela. De acordo com informações da polícia, divulgadas nesta quarta-feira (25), ela tentou fugir após o marido, por conta da orientação de isolamento social, não deixa-la sair para visitar a mãe. A região está em quarentena e o município pede que moradores fiquem em casa para tentar conter a disseminação do novo coronavírus.

De acordo com a Polícia Militar, o incidente aconteceu na Avenida Dr. Pedro Lessa, no bairro Embaré. A jovem queria sair de casa para visitar a mãe, mas o marido não queria deixar por risco de contaminação por coronavírus. Com isso, ela tentou pular pela janela. A mulher caiu ao pisar em uma telha, que não suportou o peso e quebrou.

“Nós estamos em período de isolamento e ela queria sair de casa para visitar a mãe. Estava nervosa com a situação. Ele disse que não, que não era adequado, houve um conflito entre os dois e ela teria tentado sair pela janela. O casal mora no 1º andar e, ao sair, ela acabou caindo. Teve algumas escoriações”, explicou ao G1 a delegada da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) de Santos, Karla Cristina Martins Pereira.

Ainda segundo a delegada, o marido, para tentar ajudar a mulher, também saiu pela janela e acabou se machucando. Os dois tiveram escoriações leves e foram encaminhados para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento). Assim que liberados, eles deverão prestar depoimento da DDM da cidade, onde o caso será investigado.

Coronavírus na Baixada Santista

A Baixada Santista soma mais de 500 casos suspeitos e cinco aguardam resultado da contraprova feita pelo Instituto Adolfo Lutz (IAL). Além disso, quatro pessoas que morreram na região estavam ente os pacientes com suspeita da doença. Todas as mortes estão sendo investigadas por equipes das vigilâncias epidemiológicas das cidades, que aguardam o resultado dos exames enviados ao IAL.

Na região, os shoppings, academias, comércios de rua, hotéis, bares e restaurantes estão fechados. A medida é para conter o avanço da Covid-19 e manter as pessoas em casa. Os acessos a algumas cidades também estão bloqueados para turistas e a faixa de areia das praias está com restrição.

FONTE: Informações | g1.globo.com

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    vinte − seis =

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password