Mulher de Asa Branca acusa hospital: “Enfermeiros estão batendo nele”

Sandra dos Santos está acompanhando o locutor de rodeios em internação e denunciou hospital por maus tratos.

Sandra dos Santos, mulher de Asa Branca, está denunciando o hospital por maus tratos. O locutor de rodeios está com câncer de mandíbula e foi internado novamente na madrugada de sexta-feira (27) em um hospital da Zona Sul de São Paulo, mas Sandra afirma que os enfermeiros o agrediram.

“Se você vê a situação que o Asa está no hospital, é muito humilhante. Amarraram ele, está todo machucado. Teve um outro paciente, diz que o enfermeiro deu um safanão (sic) nele. Eu não sei o que eu faço”, desabafou para Quem. “Ele está com dor, está confuso e os enfermeiros estão batendo nele.”

Segundo Sandra, ela havia recomendado sedação e alertado o hospital de que o marido poderia tentar retirar a sonda e a medicação por estar se sentindo confuso. Não a deixaram ficar no hospital durante a noite e quando ela voltou no sábado (28) de manhã, encontrou Asa Branca amarrado à cama do hospital e machucado.

“Já fiquei revoltada quando o vi amarrado, porque acho que poderiam optar pela sedação e não por amarrar. Aí a moça que estava aqui do lado, uma paciente também, falou que os enfermeiros bateram nele, deram safanão, jogaram ele em cima da cama. Só porque ele está surtado. Fui falar e ainda foram grossos comigo”, relatou.

Agora Sandra está no hospital com o marido, fazendo companhia em tempo integral. “Agora está mudando o tratamento, até mandaram eu ficar aqui porque eu falei: ‘Vocês vão matar meu marido, não vou deixar ele aqui sozinho’. Eles viram que a situação complicou, porque eu estou aqui com nosso advogado, aí mandaram eu ficar aqui”, conta.

Com a ajuda do advogado da família, ela está tentando uma transferência para o Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (ICESP). Sandra disse que a equipe do hospital negou as agressões quando questionada por ela, mas que foi destratada por todos os enfermeiros, desde a visita na tarde de sexta. Procurado por Quem, o hospital não atendeu às ligações e não se pronunciou sobre o caso.

FONTE: Informações | revistaquem.globo.com

0 Comentários

    Deixe um Comentário

    Login

    Bem vindo! Faça login na sua conta

    Lembre de mim Perdeu sua senha?

    Lost Password