Motorista bêbado atropela e mata o amigo de infância em Penápolis

O lavrador Arlei Santana Cassemiro, 46 anos, morreu na noite desta terça-feira (19), depois de ser atropelado na vicinal Sargento Luciano Arnaldo Covolan, que liga a rodovia Marechal Rondon (SP-300) a Assis Chateaubriand (SP-425), em Penápolis. O acidente ocorreu por volta das 22h.

Arlei caminhava pela vicinal quando foi atingido por um veículo Passat, com placas do município, no quilômetro 7 da vicinal. O condutor, um funcionário público municipal de 41 anos, identificado pelas iniciais E.S.L., estava embriagado e foi preso logo após o acidente. Ele era amigo de infância da vítima.

Ele disse á polícia que trafegava no sentido Penápolis e foi surpreendido pela vítima, que teria atravessado repentinamente a pista. Ele não teve tempo hábil para frear e acabou atropelando Arlei. Com o impacto, a vítima foi arremessada a poucos metros da batida.

Na sequência, segundo o condutor do Passat, um Gol que trafegava no mesmo sentido também passou sobre a vítima. Ferido, Arlei chegou a ser socorrido pelo resgate até o hospital de Penápolis, mas não resistiu e teve a morte constatada momentos depois de dar entrada na unidade.

BAFÔMETRO

O condutor do Passat foi submetido ao teste do bafômetro que acusou 0.71 miligramas de álcool por litro de ar alveolar. E.S.L. confessou ter ingerido três latas de cerveja. A vítima, que estava sem documentos, foi reconhecida pelo autor, pois eram amigos desde a infância.

E.S.L. foi preso em flagrante, mas pagou fiança no valor de R$ 700 para responder aos processos de embriaguez ao volante e homicídio culposo (sem intenção de matar) na direção de veículo em liberdade.

O corpo de Arlei foi sepultado às 10h30 de quarta (20) em Penápolis. Ele deixou filhos.

 

aracatubanews

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password