Moradores reclamam de ferro velho que se tornou ponto de recicláveis

Uma vizinha do espaço, contou que tem sempre muito lixo por lá, que acaba indo para a frente de sua casa

Lixos, animais e barulho, são esses os problemas apontados por alguns moradores do bairro Comerciários, que convivem com um espaço que era ferro velho, mas tornou-se um ponto de coleta de recicláveis. As pessoas alegam que estão em risco com os materiais armazenados por lá.

Uma vizinha do espaço, contou que tem sempre muito lixo por lá, que acaba indo para a frente de sua casa. “Também tem cachorros demais. Não aproximo muito de lá”, disse.

Outro morador reclamou da passagens de caminhões perto do local. “É constante o barulho por aqui. Sem contar que, recentemente, apareceram duas cobras em frente de casa. É um perigo”, falou.

Já outra mulher, explicou que quando mais perto do terreno fica a casa, mais problemas aparecem. “Tem um pessoal reclamando da quantidade de ratos e baratas por aqui. Na minha casa já apareceram duas cobras. Esses dias, chegamos tarde de uma festa. Meu neto tinha esquecido a bicicleta na garagem e foi pegar para guardar, na hora, levou um susto, porque a cobra estava do lado”, contou.

O vereador André Figueiredo também esteve recentemente no bairro e ouviu os moradores. “A situação é complicada. No local tem materiais de risco, que ficam expostos e servem como criadouros do mosquito da dengue”, explicou.

De acordo com o Departamento de Fiscalização da Prefeitura, no local existia um ferro velho, mas ele foi autuado e fechado por não possuir inscrição municipal.

Hoje, o local é um ponto de recolhimento de materiais recicláveis, onde o Secez (Setor de Controle de Endemias e Zoonoses), da Secretaria de Saúde, faz um trabalho de orientação e prevenção em relação ao combate à dengue. Segundo a Prefeitura, os agentes de endemias realizaram várias visitas ao local instruindo os moradores sobre o acondicionamento correto dos materiais recicláveis. Entretanto, a situação mantém-se inalterada e nenhuma modificação foi feita até o momento. Leidiane Sabino/A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password