Montillo faz o primeiro gol dele e Santos vence o Atlético Sorocaba

 

A cidade de Sorocaba não via um clube grande em campo desde 2007, quando o São Bento perdeu por 3 a 0 para o Palmeiras no Estádio Walter Ribeiro. Seis anos depois, agora com o Atlético na Primeira Divisão, o Santos foi à cidade e não teve pena dos locais: venceu por 2 a 1, neste domingo, no mesmo estádio. Sem Neymar, suspenso, o Peixe contou com o meia Montillo, que marcou o seu primeiro gol com a camisa do clube.

Com o resultado, o Alvinegro sobe para a terceira colocação do Paulistão Chevrolet, com 21 pontos. Já o time da casa entra na zona do rebaixamento, caindo uma posição (de 16º para 17º), seguindo com nove.

Sem o privilégio de ver Neymar, que não atuou por estar suspenso, os 590 mil habitantes da cidade que dista 95 quilômetros da capital ao menos podem dizer que sediaram o primeiro gol de Montillo pelo Peixe.

Logo aos 16 minutos, Arouca arrancou em contra-ataque e cruzou na medida para o argentino. Livre no segundo pau, o meia cabeceou e saiu para comemorar com a sua tradicional cavalgada, que demorou dez jogos para aparecer pela primeira vez em seu novo clube.

Dali em diante, porém, os torcedores do Sorocaba viram o seu time crescer e dominar a partida. Bruninho, um camisa 10 habilidoso, criou algumas chances, mas a equipe parou na defesa santista. Em falta cobrada da direita, por exemplo, Rafael foi obrigado a fazer grande defesa. Assim como fez ao resvalar a bola batida por Thiago Marques, que chutou cruzado.

Aos 42, Bruninho tocou a por entre as pernas de Emerson Palmieri e acabou derrubado na área, mas o árbitro Flávio Rodrigues Guerra não considerou pênalti.

Aí, três minutos depois, Cícero deu drible desconcertante em Murilo e cruzou na cabeça de André, que marcou o seu quarto gol no Estadual.

– Eles vieram duas vezes ao nosso gol e fizeram. Jogar com time grande é aproveitar as oportunidades – lamentou o goleiro Murilo Moretto, no intervalo do jogo.

Oportunidade que apareceu novamente com apenas 3 minutos da etapa final. Em boa trama, Thiago Marques saiu na cara de Rafael e, cheio de classe, deu cavadinha por cima do camisa 1. Golaço!

A expectativa pelo empate foi até o fim do jogo. Vagner Benazzi tentou mudar o jogo com Rai, Jorge Preá e Júnior Timbó, mas o placar seguiu como estava.

Aliás, só não foi mexido no último minuto de jogo porque Marcelo Moretto evitou o que seria um golaço de Felipe Anderson, o terceiro do Peixe. Mas 2 a 1 já estava de bom tamanho!

Na próxima rodada, o Santos receberá o Guarani no sábado, às 18h30, na Vila Belmiro. No dia seguinte, o Sorocaba visitará a Ponte Preta, no mesmo horário, no Moisés Lucarelli.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO SOROCABA 1 X 2 SANTOS

Local: Walter Ribeiro, em Sorocaba (SP)
Data/horário: 10/3/2012, às 18h30
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e João Edilson de Andrade

Renda e Público: Não disponíveis
Cartões amarelos: Da Silva, Wellington (ATS); Cícero (SAN).
Cartão vermelho: –
GOLS: Montillo, 15’/1°T (0-1); André, 45’/1ºT (0-2); Tiago Marques, 3’/2ºT (1-2)

SANTOS: Rafael, Bruno Peres, Edu Dracena, Durval e Léo; Renê Júnior, Arouca, Cícero e Montillo (Felipe Anderson – 43’/2ºT); Giva (Patito – 15’/2ºT) e André. Técnico: Muricy Ramalho.

ATLÉTICO SOROCABA: Marcelo Moretto, César, Wellington e Murilo;Tiago Baiano (Junior Timbó – 27/2ºT), Da Silva (Rai – 20’/2ºT), Gilberto Santos, Bruninho, Carlinhos e Marquinhos; Tiago Marques (Jorge Preá – 27’/2ºT). Técnico: Vágner Benazzi

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password