Mirassol confirma primeiro caso da variante Ômicron em Mirassol

Mulher de 42 anos adquiriu o vírus em Goiânia segundo Departamento de Saúde da Prefeitura de Mirassol

A Prefeitura de Mirassol, por meio do Departamento Municipal de Saúde (DMS), confirmou, nesta quarta-feira, 22, o 1º caso da variante Ômicron no município. De acordo com o Executivo, o novo caso é importado. Trata-se de uma mulher de 42 anos que adquiriu o vírus em Goiânia.

“A pessoa já passou o período de viremia, mesmo assim ela e seus familiares deverão permanecer em isolamento domiciliar por um período de 10 dias”, explicou o diretor de Saúde do município, Frank Hulder de Oliveira.

Segundo Oliveira, a Vigilância Epidemiológica do município está monitorando sistematicamente a família de três a quatro vezes ao dia. “O DMS continua orientando no reforço das medidas preventivas como o distanciamento social, a frequente higienização das mãos, o uso correto de máscaras, a ventilação natural de ambientes e o isolamento de casos suspeitos e confirmados e seus contatos”, disse o diretor.

O diretor do DMS ressalta a importância da imunização por meio da vacina contra Covid-19. “Lembrando que o sistema completo de imunização são as duas doses e a dose de reforço (após quatro meses de intervalo da 2ª dose)”, disse Frank.

Boletim

Nesta quarta-feira, 22, não foi registrado nenhum caso novo de Covid-19 em Mirassol, conforme boletim das 15h15 divulgado pelo DMS. Com isso, o município contabiliza 43.193 notificações, 10.441 casos confirmados (positivos), 29.688 negativos, 10.149 recuperados, uma pessoa em recuperação domiciar e 289 óbitos.

Atualmente, dois pacientes do município estão internados em Rio Preto, sendo um monitorado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Austa e outro monitorado no HB. Todas as informações são oficiais e divulgadas para o DMS pelo sistema do Governo de SP.

(Com informações da Prefeitura de Mirassol – diarioweb.com.br)

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password