Mineiro rebate: “nosso elenco é para buscar o título”

Jociano Garofolo

garofolo@acidadevotuporanga.com.br

A reportagem publicada ontem no jornal A Cidade, que teve como base entrevista do técnico China ao radialista Flávio Santos, da Rádio Cidade, repercutiu entre a torcida e, principalmente, entre a diretoria do CAV, que tratou de deixar todos os detalhes sobre a formação do elenco para a disputa do Série A3, em “pratos limpos”. Ontem, o diretor José Ricardo Rodrigues da Cunha, o “Mineiro”, o novo diretor Marcelo Arena Stringari, que substituí Cabo Valter Pereira, o supervisor de futebol Kléber Magalhães e o técnico China, autor das frases polêmicas, participaram às 11h30 do programa “Bola em jogo”. O primeiro a falar foi Mineiro, que afirmou que todo o trabalho de contratação de jogadores é realizado para que o time busque o título, ou no mínimo, chegue ao final entre as melhores equipes.

Mineiro falou aos ouvintes que a comissão técnica tem “carta branca” para indicar contratações, e que cabe à diretoria correr atrás para realizá-las. Sobre as declarações de China, de que o elenco do CAV está desequilibrado, no patamar de outras equipes e que o time vai buscar, quem sabe, uma manutenção na Série A3, o diretor da Alvinegra disse que não foi bem isso que o treinador quis dizer. “Todo técnico nunca está satisfeito. Tivemos uma reunião, falei come ele, e talvez ele não quis dizer isso.

 

O que o China quis dizer foi que o time ainda não está pronto e realmente não está. Precisa-se ter mais jogadores. Todos os nomes que nos foram passados, teve carta branca para correr atras. Não houve um nome sequer vetado.Todas as contratações passam pelo treinador. O time apenas não está preparado como ele quer”.

Ainda de acordo com Mineiro, na tarde da última quinta-feira, foi realizada uma reunião entre a diretoria e o técnico China, em que todos os detalhes questionados pelo treinador foram tratados. “Foi acertado tudo o que ele (China) achava que deveria fazer no time não para se manter na A3, mas para buscar o título. Esse time que estamos montando é para disputar entre os quatro. E no que ele pediu, foi atendido. Como torcedor, não como diretor pensei, se o nosso time é desequilibrado, o que restou para o Botafogo de Ribeirão Preto e Mirassol, que empataram com a gente em jogos-treinos e vão disputar a primeira divisão?”, questionou.

Entre os pedidos de China que a diretoria busca providenciar estão a contratação de jogadores que estavam em avaliação, como o atacante Romarinho e o volante Mazinho. Outro que vai ter a situação regularizada é o lateral-direito Maicon Paulista. Além disso, a diretoria corre atrás para contratar um atacante de área, além de aguardar a recuperação do experiente atacante Anderson, que também pode compor o grupo.

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password