Médico votuporanguense é sequestrado e morto a tiro e golpes de facão em fazenda de General Salgado

O conhecido médico oftalmologista votuporanguense Hedilon Silveira Junior foi brutalmente assassinado na madrugada desta quarta-feira, em uma propriedade rural entre Santo Antonio do Aracanguá e General Salgado.

Ele teria sido assassinado a tiros e golpes de facão por pelo menos dois homens durante uma emboscada na propriedade rural. O crime teria acontecido na madrugada e ainda não se sabe os motivos da brutalidade.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia de General Salgado. Gravemente ferido, o médico foi colocado na caçamba de sua camionete e levado ao pronto socorro de General Salgado, mas chegou sem vida.


O corpo do médico chegou há poucos instantes no IML (Instituto Médico Legal) onde será examinado e posteriormente liberado para o sepultamento.

Segundo as primeiras informações da Polícia Militar de General Salgado, além do médico um senhor que o acompanhava e outra pessoa de Votuporanga também estavam com ele no momento do crime.

O médico possuía um vasto círculo de amigos em Votuporanga e centenas de pacientes.

A morte do oftalmologista choca a população de Votuporanga e região. Tinha 50 anos, era casado com Juliana Webb Silveira – filha do médico Fred Webb.

Ainda não há informações sobre o sepultamento do corpo do médico.

 

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password