Junior Marão e Dado reforçam necessidade de transposição da linha férrea e retirada de vagões

O prefeito de Votuporanga Junior Marão e o deputado federal João Dado se reuniram, em Brasília, na última terça-feira (24/4), com o Diretor Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Terrestres da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres), Carlos Fernando do Nascimento, e a diretora, Natalia Marcassa, para reforçar a necessidade da transposição da linha férrea no município. Também esteve no encontro o Presidente da Associação Nacional dos Servidores Efetivos das Agências Reguladoras Federais, Paulo Mendes.

“O projeto executivo está sendo finalizado pelo DNIT [Departamento Nacional de Infra-Estrutura de Transportes] e este é o momento de reivindicarmos a obra para que entre no Orçamento Geral da União e possa ser executada no ano que vem”, explicou o prefeito. O prefeito destacou o empenho de Dado neste processo. “O projeto executivo é um passo importantíssimo que demos graças ao trabalho do deputado João Dado, que foi fundamental para viabilizá-lo”, completou.

O deputado João Dado ainda ressaltou que pretende apresentar emenda parlamentar ao orçamento de 2013, “a qual viabilizará parceria com o DNIT para a construção das transposições”

Marão destacou que a transposição da linha férrea é de extrema importância para o desenvolvimento do município. “É uma reivindicação antiga que temos feito junto aos órgãos competentes, mas que a cada dia se torna ainda mais necessária, já que a cidade está em pleno desenvolvimento e as regiões onde a linha férrea passa tem uma grande circulação de crianças e trabalhadores”, disse.

De acordo com o prefeito é preciso que a transposição seja feita em dois pontos, uma na vicinal Adriano Pedro Assi (Estrada do 27), que liga Votuporanga a Sebastianópolis do Sul, e outra no começo da vicinal Fábio Cavalari, que liga os bairros Palmeiras I e Sonho Meu e também é acesso ao Aeroporto Estadual “Domingos Pignatari”. “No primeiro caso, temos muitos trabalhadores na UNP – Usina Noroeste Paulista, em Sebastianópolis, que cruzam a linha férrea todos os dias, e no segundo há uma grande concentração de população, desde crianças que vão para a escola no bairro Palmeiras I e moradores da região”, explicou.

Vagões abandonados

Na audiência, Marão e Dado também solicitaram que a ANTT intervenha junto à empresa concessionária ALL (América Latina Logística) para retirar os vagões acidentados que estão abandonados às margens da colônia de moradores da FEPASA. “É uma situação crítica que tem sido motivo de reclamação de moradores, pois os vagões abandonados viraram depósitos de lixo e criadouros do mosquito da dengue”, disse.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password