Maníaco da Cruz está isolado e tem escolta policial 24h

Da Redação

O jovem de 21 anos que ficou conhecido como Maníaco da Cruz pelos crimes que cometeu na cidade de Rio Brilhante, a 160 quilômetros de Campo Grande, em 2008, está isolado num leito do quinto andar da Santa Casa da capital sul-mato-grossense, onde permanece aos cuidados do serviço de psiquiatria. O quarto dele foi isolado com uma espécie de tapume para que as pessoas não vejam a movimentação. Três policiais militares ficam responsáveis pela escolta 24 horas por dia para dar segurança ao rapaz, a pacientes e funcionários.

o rapaz permanece calado e de cabeça baixa o tempo todo. As janelas do quarto receberam um rebite para que não sejam abertas, pois, segundo o diretor, o hospital é proibido de colocar grades em atendimento ao projeto contra incêndios. O leito, que geralmente tem três camas, teve duas retiradas para receber o jovem.

Não há previsão de quanto tempo ele deve permanecer no local, segundo o diretor, pois os exames são complexos. “São sintomas ou sinais subjetivos, que é algo bastante específico da própria psiquiatria”, explica.

Caso os exames confirmem o quadro psiquiátrico, o maníaco será assumido pelo setor e transferido para o hospital psiquiátrico da Santa Casa, onde deve permanecer para tratamento. Na possibilidade do quadro ser descartado, ele deve ser solto, conforme Lastória.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password