Lideranças pedem apoio ao Ministério Público

Vereador e produtores rurais vão reunir provas das condições da pista para cobrar uma posição do governo estadual

Os problemas da Vicinal Adriano Pedro Assi, conhecida como “Estrada do 27”, serão encaminhadas ao Ministério Público. O vereador Osvaldo Carvalho (PROS) informou que o grupo de produtores rurais que possuem propriedades às margens da via estão fazendo um levantamento da situação da estrada, com fotos e tudo o que já foi noticiado, para ser montado um documento que será levado ao órgão.

“A última reunião que tivemos foi na semana passada, e ficou acertado que antes de realizarmos mais uma paralisação da estrada vamos montar esse documento. Queremos uma solução em breve, pois os riscos da via são muitos”, disse.

O mesmo documento será enviado para o governo estadual. Osvaldo contou que já foram feitos três bloqueios na pista para chamar a atenção das autoridades e, até agora, nenhuma resposta.

“Com as últimas chuvas e, principalmente agora, que vai começar a chover mais, o local está intransitável. Vamos tentar sensibilizar esses órgãos, para que tomem providências para que algo seja feito”.

Durante a sessão da Câmara de ontem, o vereador Douglas Lisboa (PSDB) também falou sobre a via.

“Os mais prejudicados são a população e os moradores que utilizam aquela estrada. Os buracos para os caminhões não representam nada, mas para as pessoas com veículos leves, representam tudo, inclusive a vida. O município não tem condições de bancar sozinho uma obra milionária, que custa de R$ 20 a 30 milhões para a recuperação do local”, disse.

A vicinal que liga Votuporanga a Sebastianópolis do Sul foi projetada para veículos leves, ainda no governo Franco Montoro, na década de 80. Hoje, a via possui grande fluxo de caminhões de cana de açúcar e trabalhadores por conta da instalação da usina de açúcar e etanol. Deste modo, só o recapeamento não adianta mais, daí a necessidade de uma recuperação e adequação da estrada para suportar o peso dos veículos pesados que transitam diariamente no local. Isabela Jardinetti/A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password