Latam volta a operar no aeroporto de Rio Preto em junho

Companhia aérea passará a operar com 9% de sua capacidade em todo o País a partir do próximo mês

 

A Latam voltará a operar no aeroporto Eribelto Manoel Reino, em Rio Preto, a partir do mês de junho. A empresa não detalhou os dias e horários dos voos, mas confirmou que voltará a operar a rota Rio Preto – Congonhas e Congonhas – Rio Preto. Em maio, a Azul voltou a ligar Rio Preto a Campinas com voos regulares.

A companhia aérea reduziu suas operações a 5% no Brasil devido à pandemia da Covid-19. Com a retomada gradual das atividades, a operação passará a operar com 9% de sua capacidade e, em julho, deve chegar a 18%. No mercado doméstico, a empresa retoma as atividades de 74 rotas nacionais. A companhia também volta a operar as rotas internacionais São Paulo-Frankfurt, São Paulo-Londres, São Paulo-Madri, São Paulo-Miami, São Paulo-Santiago e Santiago-Miami. Em julho, o grupo espera aumentar para 13 o número de destinos internacionais.

“Com essas medidas, o Grupo Latam está respondendo às necessidades de conectividade dos países onde opera e adaptando a oferta às exigências dos clientes nesse complexo cenário”, afirma Michael Rutter, vice-presidente comercial da empresa. E acrescenta que “o Grupo está aumentando voos, destinos e frequências, adotando ações concretas que respondem à nova realidade econômica que os clientes e suas famílias enfrentarão, tais como passagens mais flexíveis e acessíveis, novas medidas sanitárias e um serviço de assistência ao passageiro durante a viagem”.

Nesse novo contexto econômico, a Latam informa que se propôs a reduzir custos para oferecer passagens com preços atrativos. “Devido às incertezas gerada pela crise de saúde, os passageiros terão mais flexibilidade para comprar passagens e agendar as suas viagens, sempre conforme as regras locais aplicáveis”, disse a empresa.

Para as compras feitas até 31 de julho de 2020, os clientes poderão reprogramar voluntariamente seus bilhetes pelo site latam.com antes da partida do voo. A primeira alteração será sem multa ou diferença de tarifa (mesmo destino, sujeito à disponibilidade de assentos e dentro da validade do bilhete) e poderá alterar o destino pagando a diferença de tarifa, se houver.

Se o passageiro não tiver certeza da data em que deseja viajar, poderá deixar o bilhete aberto por 12 meses, desde que notifique a companhia aérea pelo site, com pelo menos 7 dias de antecedência.

No caso de um voo ser cancelado ou reprogramado, o passageiro pode remarcar o bilhete sem multa ou diferença tarifária (sujeito à disponibilidade de assentos, para o mesmo destino e dentro da validade do bilhete). Se o passageiro deseja alterar o destino, a diferença de tarifa será aplicada, se houver.

Padrões de limpeza

Confira as medidas adotadas para evitar o contágio da Covid-19 nos voos.

Durante o check in:

Atendimento ao passageiro – A limpeza e desinfecção da área de atendimento aos passageiros foi reforçada, incluindo os balcões e os totens de autoatendimento.

Terminais de autoatendimento – O Grupo LATAM oferece terminais de autoatendimento em todos os aeroportos em que opera, garantindo um serviço autônomo que evita a interação nos balcões.

Uso obrigatório de máscaras – Na apresentação no check-in, embarque, durante o voo e no desembarque, é obrigatório o uso de máscaras por todos os passageiros. Essa medida também se aplica à tripulação de cabine em todas as fases do voo.

A bordo:

Sanitização permanente – Procedimentos de desinfecção proativos e periódicos em toda a cabine com pulverização a base de desinfetante de quaternário de amônio e limpeza manual adicional.

Álcool gel disponível em todas as aeronaves.

Limpeza dos pontos de contato frequentes do passageiro (maçanetas, vasos sanitários, apoios de braços, cintos, telas, interruptores de luz e chamada, bolsões dos assentos, janelas e bandejas) em todas as fases do voo.

Filtragem do ar – Toda a frota do Grupo LATAM possui um sistema de recirculação de ar, que é renovado a cada 3 minutos por filtros HEPA (High Efficiency Particulate Air), que remove 99,97% das partículas.

Mais espaço a bordo – Embarque que favorece o distanciamento social entre os passageiros, evitando aglomerações.

Bloqueio do banheiro dianteiro da aeronave para uso exclusivo da tripulação, a fim de minimizar o contato com os passageiros.

Cobertores e mantas – Todos os cobertores são lavados após cada voo, enquanto os travesseiros são lavados ou descartados, dependendo do material.

diarioweb.com.br

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password