Junior Marão destaca geração de emprego em lançamento de frente de trabalho

Durante lançamento do programa emergencial de auxílio-desemprego Frente de Trabalho realizado na manhã desta sexta-feira (26/10), no auditório do Polo da UAB, o prefeito de Votuporanga, Junior Marão, destacou o número de postos de emprego criados nos últimos quatro anos na cidade. “Votuporanga aumentou muito o índice de empregabilidade nos últimos quatro anos registrando mais de 5.100 vagas criadas.

Na proporção com o tamanho do município, o número é grande.

Isso se deve às novas empresas vindo para o município e a instalação de programas como este que além de oferecer oportunidade de trabalho irá proporcionar uma capacitação para o bolsista”.

 

O programa Frente de Trabalho criado pela Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Estado tem mais de dez anos de funcionamento e já atingiu o número de 450 mil bolsistas segundo informações do supervisor técnico da Secretaria Estadual, Edison Burci. “A Secretaria já investiu mais de um bilhão de reais no programa e a nossa maior preocupação é com a qualificação da mão de obra”.

 

Também presentes no lançamento, os deputados estadual, Carlão Pignatari, e federal, João Dado, ressaltaram a importância de capacitar essa mão de obra para que todos conquistem seus empregos formais quando encerrar o programa. “Foram criadas 100 vagas do programa na cidade e cerca de 70 já estão ocupadas. Espero que todas sejam preenchidas”, afirmou Carlão que ainda lembrou do programa Votuporanga em Ação realizado pela Prefeitura de Votuporanga desde a sua gestão.

 

O Frente de Trabalho proporciona qualificação profissional e renda para cidadãos que estão desempregados e em situação de alta vulnerabilidade social. Isso é feito por meio de atividades como limpeza, conservação e manutenção de órgãos públicos estaduais e municipais. Em Votuporanga 67 pessoas já foram habilitadas para o início do programa.

 

O bolsista recebe auxílio de R$ 300 e permanece no programa por até nove meses, com jornada de atividades de até seis horas diárias, quatro dias por semana. No quinto dia ele faz um curso de qualificação profissional ou alfabetização. A participação no programa não representa vínculo empregatício, já que tem caráter assistencial e de formação profissional.

 

Durante o lançamento, o supervisor da Secretaria Estadual anunciou que os bolsistas deverão comparecer à Secretaria de Assistência Social na próxima quarta-feira (31/10), às 8 horas, para saber o local de trabalho de cada um. A Secretaria fica na Av. João Gonçalves Leite, 4705, e atende pelo telefone (17) 3426-2600.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password