Junior Marão defende uma reforma política como mandato de cinco anos

Marão destacou a importância da reforma política

Ainda em seu programa semanal de rádio, o prefeito Junior Marão comentou o cenário político atual, destacando o seu posicionamento favorável ao mandato de cinco anos sem reeleição.

Marão destacou a importância da reforma política. “É necessária para que sejam corrigidas distorções, fortalecer a democracia e para combater a corrupção. Este é um assuntou muito debatido atualmente e que vai nortear o nosso país para novos rumos”, afirmou.

Para ele, o financiamento de campanhas precisa ter regras mais claras e as doações de empresas devem ter valores limitados. “O atual sistema de financiamento de campanha compromete todo um mandato. Como que uma empresa contribui com uma campanha com valores astronômicos se ela não tem algum interesse? Seríamos muito ingênuos em acreditar, infelizmente, essa é a realidade. Temos que estabelecer uma limitação de valor, bem abaixo do que hoje as empresas doam”, falou.

De acordo com o prefeito, esta limitação financeira fará com que o eleitor vote pelas propostas do candidato e não pelo tamanho de sua campanha.

Reabertura do acesso na SP­461

O DER reabriu ontem o acesso pela rodovia Péricles Belini para a cidade, na entrada da avenida Onofre de Paula. “Enquanto não se viabilizam os viadutos e as alças de acesso reivindicadas, é inconcebível que se interditem os poucos acessos”, frisou Marão.

Depois da duplicação de um trecho da Péricles Belini, a pista ficou sem entrada para a cidade em pontos importantes como na Onofre de Paula. “A licitação foi feita no ano passado, por dificuldade de recurso não houve ordem de serviço, espero que seja resolvida a situação o mais rápido possível”, finalizou.

Inauguração do CRAM

O CRAM (Centro de Referência e Atendimento à Mulher) será inaugurado nesta quinta­feira, dia 21. “É Votuporanga, mais uma vez, saindo na frente ao oferecer à comunidade um órgão de orientação, acolhimento e acompanhamento psicológico, social, jurídico, às mulheres em situação de violência, no sentido de fortalecer sua autoestima e possibilitar que elas se tornem protagonistas de seus próprios direitos, ampliando seu nível de entendimento sobre as relações de gênero”, comemorou Marão. Da Redação/A Cidade

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password