Réu não comparece ao júri devido a greve dos agentes penitenciários

Rogaciano Sousa de Oliveira é acusado por homicídio e permanece preso desde o flagrante; julgamento será remarcado

O júri popular do réu Rogaciano Sousa de Oliveira, marcado para a data de hoje, foi cancelado. Segundo informações, por causa da greve dos agentes penitenciários, não teve como o réu se deslocar até o Fórum de Votuporanga para ser sentenciado. Portanto, o julgamento do réu foi cancelado e será remarcado para uma outra data.

Denúncia

Rogaciano Sousa de Oliveira, preso por ter matado Elso de Almeida, o Coelho, com uma facada no peito, em 28 de julho de 2013, por volta de 0h40min, na “Estrada do Horto”, “Chácara Nossa Senhora Aparecida”, nesta comarca.

Sustenta o Ministério Público que o réu agiu por motivo fútil e empregou recurso que dificultou a defesa do ofendido, atingido no peito.

Interrogado, em juízo, o réu confessou haver desferido golpe de faca em Elso, sustentando a legítima defesa, porque o ofendido  primeiramente o golpeou com canivete, forçando uma reação,  “eu peguei e desesperei e dei um golpe nele”.

Os militares que atenderam a ocorrência, inquiridos,  encontraram a vítima caída no solo, com faca cravada no  peito. O então suspeito evadiu-se do local, mas foi  localizado, graças à intervenção do SAMU, porque o réu também teria sofrido ferimentos, durante a fuga, principalmente por ação de arame farpado. Rogaciano Sousa de Oliveira permanece preso desde o flagrante. Paola Munhoz/ Votunews

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password