Jovem morre após empinar moto em ‘rolezinho’

Um “rolezinho” de moto terminou em tragédia na tarde de domingo,7, no bairro Nova Esperança, zona norte de Rio Preto. A Polícia Civil apurou que um dos integrantes do grupo, Thiago Ferreira de Souza, 23 anos, empinava a moto que conduzia, perdeu o controle da direção, caiu e bateu a cabeça no chão de forma violenta.

Apesar de ter sido socorrido na UPA do Santo Antônio, não resistiu aos graves ferimentos e morreu logo após dar entrada. Foi enterrado na tarde de ontem no cemitério São João Batista, em Rio Preto.

Souza não estava sozinho no Nova Esperança. Moradores ouvidos pela reportagem relatam que 30 motociclistas surgiram na avenida principal do bairro, por volta das 17h, e começaram a promover manobras arriscadas com suas motos, como empinar e “surfar”, que significa ficar em pé no veículo em movimento. O fato, porém, não é isolado. O morador N.S., 57 anos, afirma que os rolezinhos de moto são realizados ao menos uma vez por semana no bairro, normalmente no período noturno. Em razão do acidente, os moradores contam que estão assustados. O trânsito local é tranquilo a maior parte do tempo.

“Os motoqueiros aceleram a moto com toda força. Não dá para dormir quando aparecem por aqui. Toda semana tem rolezinho. Dessa vez, o rapaz caiu e bateu a cabeça com toda força”, relata N.S. Outro morador, que prefere não se identificar, diz que ajudou a prestar os primeiros atendimentos à vítima. “O resgate chegou rápido, mas não havia o que fazer. A pancada foi muito forte. O rapaz estava usando capacete. Ninguém sabe direito como ele caiu.” Segundo o boletim de ocorrência, Souza pilotava a moto, uma CG, em velocidade incompatível com o lugar, repleto de moradias. Fazia manobras arriscadas, como os colegas. Em uma delas, caiu mortalmente.

De acordo com a Polícia Civil, enquanto Souza recebia os primeiros socorros do Samu, seus amigos levaram a moto, o que prejudicou o trabalho da perícia e, assim, o posterior esclarecimento. A morte de Souza, assim como a participação dos colegas no rolezinho, será alvo de investigação dos policiais do 4º Distrito Policial.

No começo deste ano, a reportagem do Diário mostrou como esses encontros acontecem. Motoqueiros de diferentes idades circulam por diversas avenidas de Rio Preto, cruzando semáforos e promovendo um verdadeiro festival de infrações de trânsito. Em um dos encontros, a reportagem flagrou um passeio que reuniu mais de 100 motos – saiu das imediações da Ceasa, no Distrito Industrial, e seguiu pela avenida Arthur Nonato, marginal da rodovia Washington Luís.

Piora estado de aposentado

Piorou o quadro clínico de João Batista Jacinto da Silva, 82 anos. Ele foi atropelado na noite de sexta-feira na rua General Osório, Parque Industrial, por uma moto na contramão. O condutor fugiu sem prestar socorro. Silva sofreu ferimentos na cabeça e um corte profundo no braço direito. Está internado em estado grave na UTI do Hospital de Base.

Polícia Civil ainda não identificou o autor do atropelamento. Silva foi fazer compras rotineiras em um supermercado perto de sua casa quando sofreu o acidente, por volta das 20h. Foi no momento em que o motociclista surgiu no cruzamento em alta velocidade e entrar na contramão. Com o forte impacto, o aposentado ficou caído na rua e recebeu atenção dos vizinhos, que chamaram ajuda especializada. O atendimento médico foi mais rápido porque uma viatura do Samu estava nas redondezas, onde circulava após chamado para uma ocorrência que não existia.  DiárioWeb

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password