Jadson e Romarinho decidem de novo e Timão ganha a segunda seguida

A crise, definitivamente, ficou para trás no Corinthians. O time que chegou a acumular seis partidas sem vitória, com direito a quatro derrotas consecutivas, agora está invicto há quatro.

 

E para chegar ao segundo triunfo seguido, contou novamente com os inspirados Jadson e Romarinho. A dupla foi decisiva para bater o Rio Claro por 3 a 2 pela 10ª rodada do Campeonato Paulista – a primeira vitória no Pacaembu desde o dia 1º de setembro de 2013.

 

 

Assim como no duelo com o Oeste, a equipe treinada por Mano Menezes demorou a se encontrar em campo. Coube a Jadson colocar a bola no chão, sempre com a movimentação intensa de Bruno Henrique e Guilherme. Os volantes sufocaram a saída de bola do Galo Azul e, aos 40 minutos, o camisa 10 encontrou o espaço que tanto buscava. Um toque sutil para Romarinho invadir a área e bater com força de perna direita, longe do alcance de Cléber.

E o goleiro do Rio Claro não demorou para buscar a bola no fundo das redes mais uma vez. Três minutos depois, Jadson provou estar com o pé calibrado para as assistências e cobrou escanteio na cabeça do zagueiro Cleber. O camisa 3, que entrou na vaga do criticado Felipe, testou firme e ampliou a vantagem para deixar o Timão tranquilo antes do intervalo.

 

 

Na etapa complementar, o organizado time do Rio Claro cresceu de produção, principalmente pelos pés de Rafael Costa e Léo Costa. Aos 24 minutos, o primeiro rolou na esquerda para o ex-palmeirense Patrik cruzar rasteiro. Léo Costa, sozinho, apareceu para conferir e marcar o primeiro gol do time visitante. Mas a reação logo foi quebrada pelo ataque corintiano.

Após mais um cruzamento de Jadson e no rebote de uma cabeçada de Cleber, Romarinho encheu o pé, aumentou a vantagem alvinegra e chegou ao quinto gol no Campeonato Paulista, o quarto nos últimos três compromissos. Aos 40, o lateral-direito Carlinhos descontou com pancada de primeira, mas não evitou que o clube de Parque São Jorge acabasse com o jejum de oito jogos sem vitórias no Pacaembu.

 

O resultado leva o Corinthians aos 14 pontos e faz o time torcer para o rival Palmeiras neste domingo. Em caso de triunfo do Verdão sobre o Botafogo, os alvinegros terminariam a rodada com dois pontos a menos que a Pantera, vice-líder do Grupo B: 16 a 14. O próximo adversário é o Comercial, às 22h de quarta-feira, novamente no Pacaembu. Já o Rio Claro, que recebe o Paulista no Augusto Schimidt às 18h30 de sábado, segue na segunda posição do Grupo D com 15 pontos.

FICHA TÉCNICA:
CORINTHIANS 3 X 2 RIO CLARO

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data-Hora: 22/02/2014 – 21h
Árbitro: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral
Auxiliares: Bruno Salgado Rizo e Maria Eliza Correia Barbosa
Renda/público: R$ 389.274,50 / 12.230 pagantes
Cartões amarelos: Robson  (RCL)
GOLS: Romarinho, 40’/1ºT (1-0); Cléber, 43’/1ºT (2-0); Léo Costa, 24’/2ºT (2-1); Romarinho, 35’/2ºT (3-1); Carlinhos, 41’/2ºT (3-2).

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Cléber e Uendel; Ralf, Bruno Henrique (Danilo, 27’/2ºT), Guilherme e Jadson (Rodriguinho, 45’/2ºT); Romarinho (Luciano, 47’/2ºT) e Guerrero. Técnico: Mano Menezes.

RIO CLARO: Cléber; Carlinhos, Renan Diniz, Marcos Vinícius e Thiago Cristian; Nando Carandina, Samuel, Rafael Costa (Wendell, 40’/2ºT) e Léo Costa; André Luiz (Patrik, 14’/2ºT)e Robson (Alex Afonso, 22’/2ºT). Técnico: Fahel Júnior.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password