Irmãos Scamatti deixam a prisão após Habeas Corpus

Os quatro irmãos Scamatti que se apresentaram à Polícia Federal na última terça-feira (23) ficaram pouco tempo na prisão. No fim da tarde de ontem, o advogado de defesa conseguiu uma liminar de habeas corpus. Com isso, eles deixam o Centro de Detenção Provisória de São José do Rio Preto.

 



Os suspeitos de integrar um esquema de fraude em licitações envolvendo várias prefeituras do estado, a maioria da região noroeste paulista, foram os últimos a ser presos. Eles ficaram foragidos com a prisão decretada pela justiça federal e só se apresentaram seis dias depois. Isso aconteceu no mesmo dia em que outros seis suspeitos deixaram a prisão, também, por meio de uma liminar.

 
Segundo informações, apenas Olívio Scamatti, apontado pelo Ministério Público como chefe do grupo que foi deflagrado na Operação Fratelli, e a mulher dele continuam presos. E a justiça estadual cumpriu ontem mandados de busca e apreensão na prefeitura de Neves Paulista(SP).
A ação também fez parte do desdobramento da Operação Fratelli.

 

Segundo a promotoria, a investigação apura contratos da atual gestão da cidade. Foram apreendidos documentos que serão analisados pelo Ministério Público.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password