IPI para automóveis deve subir em janeiro, diz Anfavea

BRASIL – Desconto no IPI deve acabar em janeiro. É o que informou o presidente da Anfavea depois de uma reunião com o ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Segundo Luiz Moan, o governo não vai prorrogar a redução, como já fez outras vezes, e a cobrança integral do imposto deve voltar no começo do ano.

Assim, o IPI do carro popular vai passar de 3 para 7%; o do carro médio, do modelo flex, de 9 para 11%; e do modelo a gasolina para 13%.

Ainda segundo o presidente da Anfavea, a decisão de repassar ou não o reajuste aos consumidores será de cada montadora e concessionária.

O governo reduziu o IPI em maio de 2012 para estimular o consumo, manter as empresas produzindo e evitar a redução do emprego.

Neste período, a União deixou de arrecadar mais de 11 bilhões de reais do setor automotivo

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password