Infarto é o que mais mata em Votuporanga


O infarto continua sendo a doença que mais mata em Votuporanga, assim como no mundo todo. Somente neste ano, foram 31 vítimas, que sofreram o infarto agudo do miocárdio. Em todo o ano passado, foram 59. 

A pedido do jornal A Cidade, a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal da Saúde passou os dados das mortes que aconteceram neste ano. Depois do infarto, a segunda causa que mais tem levado os moradores à óbito, são doenças pulmonares obstrutivas crônicas, que totalizaram 11 casos.
Em seguida, fatos, eventos e intenção não determinada (acidentes, por exemplo), 10 registros; 9 mortes por diabetes; outros sintomas e sinais gerais, 8; seqüelas de doenças cerebrovasculares, e neoplasia maligna dos brônquios e dos pulmões, 6. O acidente vascular cerebral (AVC) foram 5, assim como o HIV. 
Quatro pessoas de Votuporanga morreram vítimas de insuficiência cardíaca, e outras quatro também de arritmia cardíaca; fibrose e cirrose hepática foram 3. Doença de chagas matou duas pessoas, assim como a leishmaniose e H1N1, entre outras.
Somente nestes primeiros seis meses, foram constatados 204 óbitos. A Cidade.

0 Comentários

Deixe um Comentário

Login

Bem vindo! Faça login na sua conta

Lembre de mim Perdeu sua senha?

Lost Password